O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Impetuoso e Irresistível - Penny Jordan

1º Livro da Série Irmãos Leopardi

Ele exigiu que ela obedecesse e partisse...

A exigência de Rocco Leopardi é inegociável: ele ordena que Julie Simmonds leve seu sobrinho à Sicília para que o menino assuma seu lugar como um Leopardi! Pouco importa a Rocco o que poderá acontecer com Julie depois...

... até seu corpo lhe exigir o contrário.

Rocco a considera uma golpista, mas sua inesperada inocência o abala. Assim, quando fica provado que a criança não é um Leopardi, mas que Julie é, de fato, a tia, Rocco decide mudar as regras. Ele a manterá consigo... e a tornará sua legítima esposa.


Palavras de uma leitora...

Bem, primeiramente o que tenho pra dizer, é que o livro é realmente digno de ser lido e relido. Maravilhoso. Com história marcante e que envolve os leitores de uma forma ou de outra... O amor de Julie pelo sobrinho é tocante. E mais surpreendente por ser filho do homem que ela amou e que estava noivo da irmã dela... E ser filho de uma irmã invejosa que não ficou satisfeita enquanto não tirou tudo de Julie. E ela simplesmente amou Josh de coração, sem raiva ou rancor. Ela o amava como uma mãe ama seu filho e isso é muito tocante.



Para que entendam vou contar um pouco da história:


Julie era a segunda filha de um casal que não se importou em dividir seu amor com ela... Esse amor era exclusividade da filha mais velha, Judy. A filha linda, inteligente e brilhante... Julie não tinha espaço em seus corações. Era sempre a sombra da irmã. A maçã podre da família. A vida de Julie foi difícil. Nunca recebeu amor de ninguém e cresceu insegura, mas disposta a vencer. Foi assim que entrou na faculdade e conheceu James. Se apaixonou por ele e foi “correspondida”... Beeeemmm entre aspas... Porque esse amor só durou até o momento que James conheceu Judy... E que ela decidiu roubar a única coisa preciosa que Julie possuía. E Julie já havia se entregado ao seu amor... De corpo e alma. Entregou sua virgindade à ele... E ele a tomou, mas não se importou em deixá-la.

Judy não foi fiel ao amor que James lhe dedicou cegamente. O traiu com um siciliano e depois retornou sabendo que ele o aceitaria... Todo esse processo foi doloroso para Julie que assistia da platéia aguardando o final daquela história. Judy engravidou e mesmo não sabendo se o filho era de James ou do tal siciliano... Continuou os preparativos para seu casamento com o amor da vida da irmã. Josh nasceu e foi desprezado desde o ventre da mãe, mas foi profundamente amado pela tia.


Pouco tempo antes do casamento... Os pais de Julie, Judy, James e os pais de James viajaram de trem para ver o castelo no qual Judy queria realizar seu casamento... Mas um acidente de trem tragou a vida de todos eles. Josh e Julie escaparam por não estarem com eles... Pode parecer hipocrisia da minha parte, mas vou dizer o que penso. Acho que foi melhor assim... Para a Julie e o Josh que nunca seriam felizes se eles continuassem vivos.


Depois dessa dolorosa perda, Julie assumiu a responsabilidade pelo sobrinho e o considerou seu próprio filho. Mas não contava com o aparecimento de um parente por parte do suposto pai da criança. Rocco Leopardi exigiu que Julie fosse com Josh para Sicília. Não vou contar todo desenrolar da história... Mas ainda tenho algumas coisas à declarar.


Julie se passou pela mãe de Josh somente porque temia perdê-lo para aquela família rica e poderosa. E também porque de fato se considerava mãe dele. Aguentou todos os insultos por parte de Rocco. E não podia julgá-lo por isso. Afinal, sua irmã era mesmo uma prostituta sem vergonha. Mas Julie sofria, não só por ser julgada, mas por ser julgada pelo homem que começou a amar. Mas seu amor pelo seu filho era mais forte e ela faria e enfrentaria qualquer coisa por ele. Rocco também começou a sentir algo profundo pela mulher que ele acreditava ser uma prostituta e o destino, as circunstâncias, o amor os fizeram se casarem mesmo sem saberem que o amor de ambos era correspondido...


Mas tenho certeza, que mesmo que a Julie não sentisse nada por Rocco, mesmo que ela sentisse repulsa por ele, ela teria se casado e aceitado qualquer coisa para proteger seu filho amado.


Outro aspecto que me admira, é que nos momentos de fúria, Rocco não a agrediu, nem usou de violência sexual para puni-la. Ele usava o sexo sim, mas com doçura, amor e paixão e nunca forçado. Acho isso importante, embora goste bastante do romance de autoras de perfil diferente.



Ah, garanto que não se arrependerá ao ler essa fantástica e apaixonante história. E vão se encantar com a declaração de amor de Julie e o ato romântico de Rocco. Eles são dignos um do outro... E o pequeno Josh pode se considerar um bebê de sorte.

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.