O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Anjo Negro - Lynne Graham

4º livro da Série Irmãs Órfãs

Era um cavalheiro andante ou um anjo vingador?

Fazia cinco anos que Luciano de Valenza tinha conseguido salvar da ruína o negócio de vinícola da família Linwood...
Mas também tinha conquistado o coração da jovem e impressionável Kerry Linwood. No entanto, tinha acabado na prisão e por culpa de um desfalque que não tinha cometido.
Agora que era livre de novo tinha a intenção de limpar sua reputação. Estava seguro de que os Linwood lhe tinham feito uma armadilha, por isso planejava ficar com tudo que lhes pertencia... incluindo Kerry, que não tinha feito nada para ajudá-lo quando mais a precisara. Mas ele se encarregaria de dar-lhe a cada um o seu merecido...

Palavras de uma leitora...

Sim. Dessa vez Lynne Graham chegou bem perto do seu "fantástico" estilo de escrever. Cheguei mesmo a odiar o siciliano Luciano de Valenza. Tudo bem que passar cinco anos na prisão deve ser viver o inferno na Terra, ainda mais quando se é inocente. Mas como ele poderia ter a absoluta certeza de que Kerry estava envolvida nessa armadilha quando ela nem ao menos se dava bem com o próprio pai, que era o dono do negócio que o mandou para a cadeia? Ele não era nenhum juiz e não tinha o direito de punir inocentes pelo erro dos outros. Estava fazendo com Kerry e com os avós dela o mesmo que fizeram com ele: condenando sem provas concretas. E a proposta que ele a fez me fez sentir novamente impulsos homicidas pelos mocinhos-vilão da Lynne Graham.

Um pequeno resumo:

Luciano de Valenza era filho ilegítimo de um homem importante e rico, um tal de Tessari, mas nunca recebeu nenhum carinho de seu pai e ainda foi expulso junto com a mãe da ilha onde viviam, por ordem de Tessari. Sua mãe teve que trabalhar como empregada, faxineira... para poderem sobreviver. Mas Luciano sempre teve ambições, uma característica herdada do pai. Quando adulto e ainda jovem, Luciano começou a ter fama nos negócios, mas acabou arruinado ao salvar a empresa Linwood. Foi parar na cadeia por algo que não cometeu e sabia que os Linwood quem lhe tinham armado essa armadilha. E para completar, um dia antes de ser preso, Kerry Linwood rompeu o noivado com ele sem lhe dar explicações. Ele juntou o término do noivado com sua prisão no dia seguinte e chegou a conclusão de que ela estava envolvida no golpe. Mas se fosse mais inteligente poderia perceber o verdadeiro motivo de Kerry romper com ele. Mas ele não era muito inteligente apesar de se considerar.
Cinco anos depois, ele estava livre da prisão e tinha herdado toda a herança de seu pai. E estava disposto a arruinar todos os Linwood... Mas seu principal objeto de vingança era a Kerry e, embora no fundo, ele soubesse que ela não tinha nada a haver com isso, tinha motivos pouco racionais para querer vingança contra ela.
O castelo onde Kerry vive com os avós agora pertence a Luciano, mas ela não vai desistir sem lutar. Enquanto seus avós estão visitando uns parentes, ela pretende traballhar no castelo onde viveu quase toda sua vida, como empregada de Luciano. Só sairia do seu lar se fosse jogada do lado de fora... pelo próprio Luciano (no início pensei que ele fosse capaz de jogá-la na rua e graças a Deus me enganei. Se ele o tivesse feito, eu seria capaz de entrar na história e fazê-lo em pedacinhos bem miúdos).
Kerry não resistiu a tentação e o que negou a Luciano durante o tempo de noivado, lhe entregou quase sem nenhuma resistência: sua inocência. E no dia seguinte ele lhe fez uma proposta ultrajante, baixa e nojenta! Foi pior do que se tivesse proposto que ela fosse sua amante. Foi pior que isso! Não acredtiei que meus olhos estivessem lendo o que li. A proposta foi a seguinte: como o sexo havia sido maravilhoso e ele queria repetir mais algumas vezes, transformaria Kerry em sua prostiuta particular (ele não disse isso com essas palavras, mas basta lermos para concluirmos isso). Ela viveria no castelo como inquilina, seus avós poderiam voltar a morar no castelo... Ah, esqueci de um detalhe! Ela só viveria como inquilina quando ele não estivesse no castelo, ou seja, ela viraria bolinha de pingue-pongue. Quando ele estivesse no castelo, ela passaria um tempo com ele atendendo suas necessidades sexuais e quando ele não estivesse, ela ficaria com os avós. Ele só poderia estar no castelo nos finais de semana e nem seriam todos os finais de semana... Nem no livro "A Amante Comprada" houve uma proposta como essa. Ela não poderia ser considerada sua amante, sua namorada, sua noiva nem sua esposa. O que seria considerada então? Por isso dei minha própria resposta: uma prostituta particular, exclusiva de Luciano de Valenza. E Kerry ainda não sabia que ele tinha planos de se casar com uma tal de Paola, que na opinião dele seria a esposa perfeita. E quando esse casamento acontecesse? O que aconteceria com Kerry? Fiquei muito revoltada e quase parei de ler o livro. Achei que a Kerry estava sendo a mais injustiçada das quatro irmãs...E vou chegar a parte que quase pulei de alegria.
Kerry recebeu um telefonema de um advogado a informando que ela tinha três irmãs que queriam conhecê-la. Kerry vai até Londres conhecer suas irmãs. Freddy, Misty, Ione e seus respectivos maridos, fizeram uma investigação detalhada da vida de Kerry e descobriram tudo que se passava com ela. As três queriam destruir Luciano e poderiam fazer isso, já que três homens poderosos podiam mais do que um. Só que Kerry não deixou. Mas apesar disso gostei muito da interferência das irmãs de Kerry...
Kerry se tornou amante de Luciano (não acietou a proposta de ser prostituta particular, mas aceitou passar um tempo com ele na Itália). Depois de ouvir uma conversa entre Kerry e Ione, Luciano fica desesperado, pois teme perder Kerry para as irmãs dela e decidi que a melhor maneira de mantê-la ao seu lado é casando-se com ela. Apartir desse momento comecei a sentir mais simpatia por Luciano. Até porque algumas coisas sobre ele foram reveladas na história e pude entender seu modo de pensar.

Não quero revelar toda a história, por isso paro por aqui. Só quero agora deixar um resumo da vida das irmãs de Kerry:

Freddy: casou-se com o príncipe Jaspar para poder ficar perto do seu filho adotivo, Ben, mas ela e Jaspar acabaram se apaixonando e tiveram seus próprios filhos: Kareem, Ázima, Kil e um que ainda não nasceu. Ela é a portagonista do livro: Um Casamento Árabe e a mais velha das irmãs.

Misty: casou-se com Leone Andracchi, depois de ter sido sua amante e ter ficado grávida. Depois de tantos sofrimentos, se apaixonaram um pelo outro e tiveram três filhos: Connor, Niall e Evan. Ela é a protagonista do livro: Armadilha para um amante e a gêmea de Ione.

Ione: casou-se com Alexio Christoulakis para poder conquistar a liberdade, mas acabou se apaixonando por ele... Depois de muitos problemas e mágoas, conseguiram ser felizes juntos e tiveram três filhos: os gêmeos Apollo e Diantha e o filho mais novo, Christan. Ela é a protagonista do livro: A Herdeira e a gêmea de Misty.

Assim termina a Série Irmãs Órfãs... E todos os quatro livros valem a pena.

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.