O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

sábado, 28 de agosto de 2010

O Destino de um Sheik - Michelle Reid


2º Livro da Série Maridos Apaixonados

Ela pode salvar seu casamento... desde que fique grávida!

Leona abandonou seu marido, o sheik Hassan, pois sabia que ele precisava de um filho, um herdeiro. Desde então sofre de saudade e anseia por voltar aos braços dele. Mas como poderia aplacar seus anseios e evitar suas longas noites de insônia se sabia que não conseguiria realizar o único desejo de Hassan?

Hassan foi obrigado a aceitar a fuga de Leona. Mas quando soube que ela estava em perigo, resolveu raptá-la e trazê-la de volta ao seu reino. Do fundo do seu coração, sabe que quer Leona de volta para viver aquele amor represado em seu peito. Porém, uma angustiante pergunta paira em sua cabeça: por que ela o abandonou?



Palavras de uma leitora...

-Acho que a última frase da sinopse acima não faz sentido. Hassan sabe porque sua amada esposa o deixou. Todo o seu povo sabe: porque ela não consegue engravidar, porque é praticamente estéril.

- Eu amei esse livro com todo o meu coração e gostaria de tê-lo em minhas mãos. É um livro que mexe com as emoções e nos faz chorar. Bem... Fez isso comigo, pois tocou num assunto que um dia atormentou minha mente: a impossibilidade de ficar grávida. Não é que eu deseje ficar grávida agora. Não. Eu quero no futuro. Mas, no passado, tive que fazer um tratamento contra um mal que poderia até me tornar estéril e isso para mim seria o fim. Então, foi impossível não me sensibilizar com a situação da Leona. E quando a Evie, Raschid e seus dois filhos os visitam no iate (Evie e Raschid são os protagonistas do livro anterior: "Labaredas da Paixão") dá vontade de chorar. A Leona e o Hassan sofrem tanto ao vê-los com dois lindos filhos, felizes, enquanto eles não podiam ter nenhum.

-Bem... O Hassan podia ter filhos desde que se casasse com uma segunda esposa. Ele poderia manter a Leona ao seu lado como a primeira esposa e escolher uma segunda para lhe dar filhos. Mas é claro que ele não faz isso! Ele ama muito a Leona e sabe que uma situação dessa a mataria. Acho que mataria literalmente, pois ela tem tendências a adoecer quando está sofrendo.

-O casal do livro se ama muito e sofrem pela terrível situação na qual se encontram: se Hassan não tiver logo um herdeiro, alguns líderes pretendem fazê-lo perder o trono do reino que lhe é de direito. Leona tenta convencer, apesar de sofrer muito com a simples ideia, Hassan a aceitar que o casamento deles tem que chegar ao fim. Que deve haver o divórcio. Porém, Hassan prefere renunciar ao trono do que perder Leona. E isso emociona mais uma vez os leitores. O amor deles é muito lindo e embora o sheik Hassan seja super arrogante e o casal brigue todos os dias, a gente percebe claramente o quanto Leona é importante para ele. O quanto a ama. Leona também demonstra o seu amor pelo sheik ao deixá-lo um ano atrás na tentativa de convencê-lo a se casar com uma mulher fértil. Ela queria apenas que ele fosse feliz, mesmo que a sua felicidade fosse sacrificada para isso.

Um pequeno resumo:

Leona e Hassin se conheceram quando ela tropeçou e caiu em cima dele. Naquele momento, eles se apaixonaram e souberam que pertenciam um ao outro. Se casaram, mesmo que para isso tivessem que ter enfrentado a oposição de alguns líderes árabes.

O casamento foi muito feliz durante algum tempo. Apesar de Leona ser de cultura e religião diferentes e ter sua liberdade praticamente negada ao se casar com Hassan, ela aceita sua nova vida sem problemas e passa a alegrar o palácio do rei com sua extrovertida e alegre presença. Ela e o rei, pai de Hassan e Rafiq, desenvolvem um relacionamento muito forte. Passam a se querer como pai e filha e o rei passa a ser dependente do amor de Leona e ela do dele.

As crises no casamento começam quando Leona e Hassan consultam um médico e descobrem que Leona tem um ovário morto e outro que só ovula quando bem entende. Em outras palavras, é quase impossível que ela venha a engravidar. Leona e Hassan ficam arrasados com a notícia, mas Hassan não quis e nunca ia desistir. Ele acreditava que um dia sua mulher iria engravidar... Mas Leona não compartilhava da mesma opinião.

Ela e Hassan ficam casados por cinco anos até que Leona implora que seu marido a deixe partir. Hassan permite que ela volte para Londres, embora seu coração sangre ao vê-la partir. O rei  e Rafiq também sofrem muito com a sua partida, mas entendem os motivos dela.

Leona fica separada de Hassa por quase um ano... Até que sua vida passa a ser ameaçada.

Um amigo do pai de Leona se instala na casa do pai dela onde ela estava vivendo no momento. Ethan é um ótimo amigo e ela gosta muito dele, porém Ethan não compartilha do mesmo sentimento. Ele ama Leona como se ama uma mulher. A ama com paixão e a quer para sua vida. A única coisa que o impede de seduzi-la é a aliança de casamento que ela leva no dedo.

A hospedagem de Ethan onde Leona mora só aumenta a sorte dos que desejam o seu mal. Uma mulher casada com um árabe pode ser seriamente punida se for vista com outro homem... Mas seus inimigos planejam usá-la de um modo melhor.

Eles querem que Hassam se case com outra mulher, mas ele se nega. Para obrigá-lo a aceitar um outro casamento, eles planejam sequestrar Leona. O jogo vai ser o seguinte: ou ele aceita se casar com a princesa Nadira ou Leona morre. Mas Hassan não tem o mínimo interesse de permitir que joguem com a vida de Leona. É por isso que ele a sequestra primeiro...

Leona fica indignada com a atitude do homem que ama e decide que não vai perdoá-lo nunca por ter lhe raptado e obrigado a enfrentar tanta dor de novo. Mesmo quando ele lhe revela seus motivos, ela continua a brigar.

As brigas entre eles aumentam, mas sempre terminam em loucas noites de amor... Eles sabem que não podem se separar, mas isso é inevitável. Um contrato já foi escrito e quando for assinado, Hassan terá uma segunda esposa....

Ao descobrir sobre o futuro casamento de Hassan, os dois acabam se distanciando... Leona pede a separação e Hassan decide conceder, embora mude de opinião logo em seguida... Mas uma gravidez milagrosa pode mudar toda a história...

-O livro é lindíssimo e maravilhoso. Estará sempre no meu coração. Um dos melhores livros que já li da autora. Uma história apaixonante!

Uns trechos de Hassan declarando seu amor por Leona:

"Eu a amarei até meu último alento. E quando estivermos no leito final, em uma cripta de ouro, deverá ser assim, com o perfume dos seus maravilhosos cabelos contra o meu rosto, e a minha mão sobre o seu delicado coração."

Quando ela quase se afoga: "Sabe que é a primeira vez, desde a minha infância, que sinto vontade de chorar? Sabe o que fez para mim? Às vezes nem sei se você se interessa pelo que sinto." "Não me deixe jamais".


"Eu a amarei até meu último alento. E quando estivermos no leito final, em uma cripta de ouro, deverá ser assim, com o perfume dos seus maravilhosos cabelos contra o meu rosto, e a minha mão sobre o seu delicado coração."

4 comentários:

Anônimo disse...

Amo tanto esse livro! Fiquei boba em saber que esta sua postagem é de sete anos atrás.. caramba!

Luna disse...

Também é um dos meus livros preferidos da autora! :D

Pois é!kkkkkk... Às vezes nem eu acredito! O tempo simplesmente voa!

Bjs!

Beatriz Solano Pinzon disse...

O legal dessa série “Maridos Apaixonados” é que os homens são fiéis, mesmo longe de suas amadas, não ficam de amante em amante como a maioria nessas estórias. O amor de Hassan e Leona é muito lindo, Hassan é tudo de bom, mas a Leona confesso que me estressou bastante, só dava patada no coitado! O mocinho teve um amor imenso e uma paciência de Jó viu! Faltou um epílogo até o nascimento da criança, uma coisa é engravidar outra e segurar a criança!

Luna disse...

Sim, Beatriz! Essa série é incrível e tem um mocinho melhor que o outro! Uma hora temos como preferida determinada história e aí lemos outra e nos apaixonamos perdidamente por ela também!rsrs

rsrsrs... Mas a Leona tinha seus motivos. Eu a compreendo. :)

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.