O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

domingo, 5 de setembro de 2010

Nada Dura Para Sempre - Sidney Sheldon


Com uma nobre profissão, Betty Lou Taft, chamada carinhosamente pelos amigos de Honey, Kate Hunter e Paige Taylor são as únicas mulheres que fazem parte de um grupo de médicos residentes do mais velho hospital de San Francisco: o Embarcadero County Hospital. Além do trabalho, elas também partilham o apartamento onde vivem, até que um dia começam a enfrentar situações no mínimo insólitas: Betty quase provoca a interdição do hospital; Kate é assassinada e Paige é acusada de matar um doente em fase terminal em troca de um milhão de dólares.

Em 'Nada Dura para Sempre', Sidney Sheldon envolve o leitor em uma trama na qual transitam profissionais da medicina e mafiosos, pacientes e viciados em drogas. Um jogo de gato e rato capaz de tirar o fôlego, com todos os elementos que transformaram os livros de Sheldon em campeões de vendas: suspense, ação, sensualidade e temas polêmicos.

Neste romance em que se combinam decisões de vida ou morte nas salas de operações, as tensões dos tribunais e a ambição e medo dos médicos, Sidney Sheldon revela-nos os bastidores de um hospital demonstrando habilidade para criar personagens instigantes... E à medida que você vai lendo, o enredo se encaminha para um final imprevisível onde, mais uma vez, o autor prova que nenhum leitor consegue adivinhar as intenções do mestre do inesperado.

 
***
 
O que não pode ser curado com medicamento é curado pela faca, o que a faca não pode curar é curado com o ferro em brasa, e o que isso não pode curar deve ser considerado incurável.  
 
- HIPÓCRATES. CERCA DE 480 a.C
 
Há três clases de seres humanos: homens , mulheres e médicas. 
 
-Sir. WILLIAM OSLER
 
 
Palavras de uma leitora...
 
-Na sinopse acima eu misturei trechos de duas sinopses do livro.
 
-Bem... Antes de mais nada, quero descrever nossas três protagonistas: Paige, Honey e Kat...
 
Paige Taylor: "jovem e afável, de ar inteligente, confiante. É uma mulher alta e esguia, com olhos castanho-escuros no rosto pálido. Todas as diferentes fases da vida coexistem nela: o viço da criança, a que se sobrepunham a tímida incerteza da adolescência e a sabedoria e angústia da mulher."
 
Paige viveu num mundo de aventuras viajando sempre ao lado do brilhante doutor Taylor (seu pai) e da sua ambiciosa e fria mãe.
 
Seu melhor amigo era Alfred Turner, que mais tarde, quando ambos estavam na adolescência, se tornou seu amante e no futuro partiu seu coração. Alfred Turner era tudo para Paige e ela era louca por ele... Mas ele prefere se casar com outra e se torna um estranho para Paige.
 
Paige tinha muito orgulho do seu pai e sofreu muito com sua morte. Quis seguir o mesmo caminho que ele e salvar as pessoas de seu sofrimento. Decidiu ser médica e foi assim que acabou parando no Embarcadero County Hospital, onde sua vida tomou um rumo inesperado... E ela estava prestes a ser condenada à morte.
 
Honey Taft: "rosto franco e ingênuo, olhos cinzentos e meigos e um sorriso efusivo. Não tem nada de ingênua ou inocente. Foi o pequeno "acidente" de uma família importante e ambiciosa. Era a caçula de três irmãs e nunca esteve a altura de sua família. Seus pais eram belos e bem-sucedidos, suas irmãs gêmeas também... Já ela era o patinho feio e burro da família. Sempre fez tudo para agradar sua família e sempre colocou os outros em primeiro lugar. Queria ser amada e tentava conseguir o amor dos outros de uma maneira ou de outra..."
 
Depois de passar uma noite inesquecível com o garoto mais popular do ensino médio (que só para saber: estava bêbado) descobriu qual era o seu dom secreto: levar os homens ao êxtase de uma forma única... Foi assim que Honey se tornou popular. Passou a ler vários livros sobre sexo e aprendeu coisas há muito esquecidas e passou a resolver seus problemas usando o sexo e sua carinha de anjo. Sempre que uma coisa dava errado, Honey seduzia algum homem que pudesse resolver seu problema e ainda o fazia achar que a havia seduzido. Por exemplo: quando estava para ser reprovada em matemática, Honey foi até a casa de seu professor e o fez alcançar o paraíso (risos). Foi aprovada com a nota mais alta em matemática...
 
E foi exatamente usando desse "talento" que Honey se formou em medicina, sem ter o menor talento para isso.
 
Kat Hunter: "uma negra de beleza impecável, com mais de 1,80 de altura, de constituição larga, mas muito graciosa. Tudo nela, o jeito como andava, o porte, a expressão fria e irônica que os olhos irradiavam, transmitia um ar pedante."
 
Não teve infância e sofreu um enorme trauma quando só tinha 13 anos de idade: foi estuprada diversas vezes pelo padrasto e engravidou. Após descobrir sobre a gravidez e receber uma bofetada de sua mãe que ficou do lado do marido e virou as costas para a filha, Kat fugiu para viver com uma tia. Ao lado dela encontrou um pouco de felicidade e decidiu que nunca mais um homem a tocaria e magoaria. Sua tia a introduziu no mundo da leitura e a fez acreditar que podia vencer e ser alguém de valor. Kat decidiu cursar medicina e se tornar uma médica famosa. Ela lutou muito para chegar aonde chegou e se tornou o que sempre quis: uma médica brilhante. Conheceu Paige e Honey, duas amigas maravilhosas e estava satisfeita com o que tinha.... Até abrir seu coração para o amor. Ela se apaixonou por um médico do hospital onde trabalhava e ele a havia pedido em casamento. Kat quebrou a promessa que fez a si própria e decidiu acreditar novamente nos homens e ser feliz ao lado de seu amor. Foi seu pior erro. Seu grande amor se transformou em seu pior pesadelo. Kat foi brutalmente assassinada pelo único homem pelo qual se apaixonou...
 

- Eu já havia lido esse livro uma vez e o adorei. Foi no ano passado. Julho do ano passado. Eu o baixei da internet e o li até de madrugada e só larguei quando acabei de ler. E o que me deixou triste foi não ter o livro ao vivo e a cores. Mas um ano depois esse problema foi resolvido com a ajuda da revista Avon... rsrsrs....


Minha mãe é revendedora da Avon e em, exatamente, julho desse ano eu estava folheando a revista e quando chego na seção dos livros levo um susto maravilhoso: havia  uma promoção com os meus dois livros preferidos do autor: "Nada Dura Para Sempre" e "Se Houver Amanhã". Não pude deixar a oportunidade passar. Tive que comprar! O livro é duplo e chegou no dia: 30/07, mas só agora tive tempo de lê-lo.


-Eu até havia começado a ler um livro antes de ler esse. Foi o livro "Agora e Sempre" da autora Lynne Graham. Esse livro está na minha lista de futuras leitiras e não há nenhum livro do Sidney Sheldon nessa lista. O que me fez relê-lo apesar disso? Me revoltei com o livro "Agora e Sempre"!!! rsrsrs... Logo no prólogo do livro eu já estava com vontade de começar a gritar e quebrar alguma coisa na cabeça do mocinho... Para esfriar a cabeça decidi dar um tempo no livro.

- Se você já leu esse livro, parabéns! E se você nunca leu, providencie-o o mais rápido possível. Se existem livros de algum escritor que um leitor que se preze nunca deve deixar de ler, esses livros são o do nosso eterno Sidney Sheldon. Ele tinha o dom para escrever romances de suspense com fim sempre inesperado (digo "tinha" porque, infelizmente, ele faleceu há alguns anos.), ação e enredos fortes e polêmicos. É impossível parar de ler um livro seu. Depois que começa, você só para quando chega ao fim e sempre fica com um gostinho de quero mais...


E com "Nada Dura Para Sempre" não é diferente. Nesse romance o autor nos mostra os dois lados da mesma moeda. Ele nos faz conhecer os bastidores de um hospital, as diversas intrigas, traições e ambições existentes nele e nos mostra, principalmente, o lado escuro dos médicos. Aqueles profissionais para os quais corremos sempre que nossa saúde não está bem. Sim! Eles não são deuses. São seres humanos como nós e muito mais capazes de matar do que um ser humano comum. Acredite... Eles são!


Um pequeno resumo:


 A história começa na primavera de 1995, em São Francisco - Estados Unidos. Começa com o julgamento da brilhante médica e principal protagonista do livro, doutora Paige Taylor. Ela está sendo acusada de ter matado um paciente por um milhão de dólares.


Tudo conspira contra ela e tudo indica que ela será condenada à morte. Médicos, enfermeiras, residentes e muitas outras pessoas se prontificam à depor contra ela. O júri fica cada vez mais convencido de que Paige é uma assassina fria e cruel e inclusive, ela confessa que matou realmente seu paciente. Acontece que não foi por dinheiro...


Paige é aquele tipo de pessoa que detesta injustiça e não suporta ver alguém sofrendo. Só que ela não fica só pensando em ajudar, só pensando em interferir no destino.... Ela age! E é exatamente por isso que acumula inimigos com o passar do tempo. Paige estava sempre se metendo onde não era chamada e ainda por cima, era uma excelente médica, fato que provocava cada vez mais a ira e inveja de seus colegas de trabalho.


Foi por causa de seu bom e sensível coração que ela acabou cometendo um crime de misericórdia.


O paciente John Cronin estava morrendo... Nenhum médico podia fazer nada por ele e ele só tinha poucos dias de vida. Paige se tornou amiga dele e John passou a chamá-la sempre para conversar e esquecer as dores terríveis que o atormentavam. Ele tinha família, mas eles estavam apenas interessados em seu dinheiro e não viam a hora dele morrer... Paige foi seu último presente dos céus. Ela se importava de verdade com seus pacientes e passava horas conversando com John. John decidiu que não queria mais sofrer e morrer de uma doença tão terrível, se tinha que deixar a Terra em breve tinha que ser sem dor e pelas mãos de sua única amiga, a doutora Paige. Ele implorou para que ela o livrasse do sofrimento e foi com lágrimas nos olhos que Paige injetou a seringa de insulina e o fez descansar...para sempre.


É aí que Paige passa a viver seu próprio inferno e sua vida fica por um fio... O seu destino já não está em suas mãos e tudo indica que o fim não promete ser misericordioso.


-Bem... Nesse resumo eu falei só sobre a doutora Paige. Acontece que o livro gira em torno dela. Ela é a protagonista principal e boa parte da história é sobre ela. A segunda principal é a Kat, que foi brutal e covardemente assassinada por seu colega de trabalho. E em último lugar vem a Honey.


-Apesar da história se passar em 1995, o livro nos mostra detalhes do ano de 1990 (quando tudo começou) até o ano de 1995. A gente acompanha o dia-a-dia de vários médicos, enfermeiras, serventes e principalmente, o cotidiano das três protagonistas.


-Naquela época ainda havia um enorme preconceito contra médicas e isso só contribuiu para tornar a vida delas cada vez mais difícil.


-No Embarcadero County Hospital acontece de tudo e esse "tudo" deve permanecer em "off". O importante, para a maioria, não é salvar vidas, mas estar ao lado das pessoas "certas". Nunca, mas nunca mesmo, se deve mexer com alguém "importante", a menos, é claro, que queira morrer. Paige e Kat ficaram com a segunda opção. Muitos crimes acontecem nos bastidores desse hospital e há uma enorme competição. Paige arrumou um inimigo perigoso ao se negar a ser uma de suas conquistas e isso se voltou contra ela no final. Na verdade, todas as boas ações da Paige se voltaram contra ela no final. Já a Kat, foi assassinada após acreditar pela primeira vez no amor. Ela foi iludida pelo homem que amava e assassinada por causa da ambição desse homem. Médicos não deveriam salvar vida? Nem sempre as pessoas fazem o que devem, né?


-A morte da Kat é horrível e mais triste ainda é acompanhar a sua vida, seus sonhos, esperanças e depois ver tudo terminar de forma tão cruel. Ela foi assassinada pelo homem que amava! Conseguem imaginar? Ela era uma pessoa maravilhosa e estava sempre apanhando da vida. Sua própria mãe lhe negou ajuda no momento que ela mais precisou e no fim, ela é novamente traída por alguém que amava. E os momentos anteriores à sua morte, sua alegria e planos para o futuro... Tudo que ela planejou para o futuro naquele mesmo dia e sua cega confiança no homem para o qual entregou o seu coração são dignos de lágrimas. É realmente muito triste. Eu preferiria que ela nunca tivesse acreditado no amor, que cumprisse a promessa que havia feito a si própria quando adolescente: que jamais permitiria que um homem voltasse a tocá-la. Pelo menos era não teria morrido.


-Esse livro tem de tudo um pouco: intrigas, traições, sensualidade, drama, temas polêmicos, humor, romance... A trama é muito bem elaborada e Sidney Sheldon foi digno e ainda é do título de "Mestre do Inesperado". Suas histórias são brilhantes e a gente nunca espera pelo que vai acontecer. Nos três livros que li do autor: "Nada Dura Para Sempre", "Se Houver Amanhã" e a "Outra Face" o desenrolar da história e o fim me surpreenderam. 

-Não posso falar muito da história, pois não quero entregar partes importantes. Já falei que a Kat vai ser assassinada pelo homem que ama e contei o segredo da Honey (risos). Não quero também revelar outras "coisinhas" importantes.

4 comentários:

Renata Cristina disse...

Adooooro esse livro. Descobri Sidney Sheldon quando abrendi a ir sozinha da minha casa até a biblioteca pública daqui de Belém, sou Paraense. E li "O céu está caindo" Minha Nossa não consegui parar mais. Ja leu "O Estrangulador"??? É um dos meus favoritos.
Também sou fã de Stephen King, Agatha Christie, Sir Arthur Conan Doyle, teve ma feira do livro aqui em Belém na semana passada eu ficava doidinha querendo comprar tudo!!!!! Aiii Minha nossa! preciso logo achar um marido rico kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Bjosssss

Luna disse...

Renata,

Acho que eu tbm preciso...rsrsrs... Vou desejar sorte para que vc o encontre logo. Grego? Italiano? Espanhol? Árabe? Ou serve brasileiro mesmo? rsrsrsrs...

Não conheço nenhum dos dois livros que vc citou. Só conheço até agora: "Nada Dura Para Sempre", "Se Houver Amanhã" e "A Outra Face".

Quanto aos outros escritores: ainda não conheço, não, mas conhecerei em breve se Deus quiser.

Bjs!

Mil suspiroos disse...

Ahhhh pode ser brasileiro mesmo! hehehehe
um pro lado latino faz mais meu gosto hehehe

Bjossss
Renata

Luna disse...

Renata,

rsrsrs... Tudo bem então. Vou desejar sorte para você e você deseja para mim, ok? rsrsrs... Quando o encontrar me chama para ser a madrinha do casamento. Ok? Não esquece!

Bjs!

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.