O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Eternos Momentos - Yvonne Lindsay


O acidente que fez com que Belinda perdesse a memória deu a Luc as armas perfeitas para sua vingança. Sua bela noiva não se lembrava de tê-lo deixado no dia do casamento… ou da verdadeira razão de sua união. Tudo de que ela lembrava era a desenfreada atração que ainda compartilhavam.

E o magnata de olhos frios pretendia tirar toda a vantagem disso…


Palavras de uma leitora...


- Hoje eu tive uma consulta médica. Preciso dizer mais alguma coisa??!!! Além de odiar hospitais com todas as minhas forças, os médicos ainda por cima não sabem ser pontuais. Foram raras as vezes em que um médico marcou um horário e me atendeu nesse horário. Muito raras... Enfim... O que quero dizer é que estava estressada por causa dessa consulta e por isso, talvez meu estresse influencie um pouco (ou muito) minha resenha...rsrsrs...

- Eu li esse livro por indicação da nossa amiga Monica e o passei na frente por ter um elemento que amo: amnésia. Não sei bem porque gosto desse tema... Só sei que amo. Nesse assunto não tenho o que criticar na história. Até acho que foi uma das melhores que li, pois a memória da mocinha volta bem aos poucos e eu gostei disso. Gerou um suspense maior em torno do que provocou sua amnésia. E é por causa desse suspense, desse mistério... que não posso fazer o "um pequeno resumo". É que acho que vou acabar falando demais e dando informações preciosas. Tenho que tomar cuidado até com o que vou escrever daqui por diante... Vou tentar não revelar demais, tá?

- O que salvou o personagem, super complicado, Luc Tanner, foi a música De Volta Pro Amor - Yahoo e Olivia Heringer...rsrsrs... É verdade! No momento que comecei a odiar o Luc por todo o sofrimento que ele estava causando a Belinda, eu coloquei essa música para tocar. Há meses não ouço essa música e o Luc deu muita sorte, pois eu planejava acabar com ele nessa resenha. Essa música é muito linda e me emociona muito... E nesse clima de amor desperdiçado e a volta do amor... O Luc acabou sendo perdoado.

- Por que só foi salvo por causa da música? Porque ele era um imbecil. E o pior de tudo é que ele não queria machucar a Belinda. Nunca desejou fazer isso e sequer havia vingança envolvida nessa história. Para mim, isso foi o pior. Mas o que mais me irritou nesse mocinho foi o mal que ele estava fazendo à si próprio. Ele lutava tanto para não ser como o miserável do pai (estou falando demais...rsrs...) que estava virando um hipócrita ambicioso e vazio. O que ele tinha como objetivo de vida era crescer cada vez mais profissionalmente e mostrar para o mundo que venceu... Acho que muitas pessoas, eu por exemplo, querem vencer na vida. Quantos de nós não já ouvimos alguém dizer que não vamos conseguir? Que não chegaremos a lugar nenhum? Muitos, né? E o Luc é um de nós. Ele ouviu isso do próprio pai, o homem que mais odeia no mundo. E tem motivos para odiar. Motivos profundos e muito dolorosos... que vocês só irão descobrir lendo o livro...rsrs... Eu entendo o Luc. Ele sofreu muito quando tinha tão pouca idade e ficou com um trauma muito grande. A dor foi bem profunda e não sei se eu conseguiria ter a coragem que ele teve para continuar. A pessoa que deveria protegê-lo de tudo... destruiu a sua vida. O Luc foi muito forte e conseguiu seguir com sua vida, mas perdeu algo muito precioso: a coragem de amar. E essa falta de coragem que me faz chegar a odiá-lo... Vou explicar...

- O livro começa quando a Belinda está no hospital. Ela havia ficado algumas semanas em coma após sofrer aquele trágico acidente no dia de seu casamento com Luc... E quando ela finalmente acorda... se lembra de tudo, menos de Luc Tanner e tudo que viveu com ele. Os médicos disseram que a amnésia dela não foi causada pela pancada na cabeça, mas sim por causa de um trauma... De algo que ela sofreu e sua mente preferiu esquecer. E aí começa o mistério sobre o relacionamento de Luc e Belinda. O que ele teria feito para fazê-la se esquecer dele?

Com o passar da história o Luc nos revela que, no dia que viu Belinda pela primeira vez, decidiu que ela seria sua esposa. Parece amor à primeira vista? Para ele, não. Ele a queria por outros motivos... Não. A gente acaba percebendo que foi sim amor à primeira vista... Mas Luc se nega a aceitar esse sentimento de "tolos". Depois o Luc também nos revela que aproveitou a primeira oportunidade para usar seu dinheiro e fazer Belinda se casar com ele. Ele a queria, então a teria, pois sempre conseguia o que queria.

Bem... Quantas histórias já não lemos sobre casamento de conveniência? Qual a novidade? A novidade vocês só saberão se lerem a história...rsrs... Mas posso dizer que essa "novidade" provoca uma dor terrível na mocinha da história e causa o acidente que quase a mata. Achei a atitude do mocinho e da família da mocinha extremamente egoísta e cruel. Fossem seus motivos os melhores; eles não tinham o direito de destruir os sonhos dela assim... E vamos ao momento que odiei o mocinho...

- Esse momento chega no instante em que a mocinha pega o telefone para fazer a ligação que colocaria fim em um dos seus maiores sonhos.... Isso acontece quando ela já recuperou totalmente a memória e se lembra do que a fez perder a memória. A dor é muito grande e eu comecei a chorar...kkkk... Estou sensível hoje. Enfim... A atitude do mocinho, apesar de não ser cruel, é tão fria e insensível que fez a mocinha ficar no chão, literalmente. Ela perde as forças, o brilho dos olhos, o sorriso lindo, os sonhos e a esperança de ser feliz. E eu o odiei por isso. O odiei por obrigá-la a fazer aquela ligação... por tentar destruir, mesmo que inconscientemente, a vida dela.

Ele não queria ser como o pai, mas estava fazendo exatamente o que ele fez: destruindo vidas...

Eu fiquei com muita raiva dele nesse momento e não quis nem pensar no trauma dele. Pouco me importou no momento...rsrs... Mas depois, ouvindo a música e prestando atenção no que ela fala... Eu voltei a pensar no passado do Luc e na imagem que ele tinha do amor... Ele tinha medo de amar e motivos para temer. Ele não queria machucá-la... Enfim... Eu o perdoei.... Mas, acima de tudo, pelo que ele fez no final: deixá-la partir. Foi aí, como a própria Belinda diz, que ele provou que a amava.

Antes o Luc estava decidido a mantê-la ao seu lado custasse o que custasse e essa atitude era muito egoísta. Parecia uma obsessão... Ele era muito possessivo. Chegando a me fazer compará-lo com o mafioso do livro Lembre-se de mim...rsrsrs... Não é uma comparação nada agradável. Mas ele muda. Depois de fazer a mocinha sofrer muito e de sofrer muito também, ele finalmente se liberta dos fantasmas do passado e aprende a amar...

A história é linda... rsrs... E acho que o próprio problema do Luc a torna mais especial. Eu achei a história inesquecível... Claro que isso só aconteceu depois que o meu estresse passou um pouco...


OBS: em breve, completarei as séries postadas no blog. Aguardem...

Bjs!

2 comentários:

Anônimo disse...

Vou colocar na lista para ler lá mais pra frente. Preciso fazer uma pausa de mocinhos sofridos. kkkk

beijos
Carla

Luna disse...

rsrsrs... Mas não deixa de ler! Acho que vale a pena!

Bjs!

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.