O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Paixão Italiana - Lynne Graham


Abandonada por seu noivo e por sua família depois do nascimento de seu filho, uma noite as forças de Holly Sansom chegaram a seu fim e perdeu os sentidos no meio da rua. Marco Lombardi, presidente das indústrias Lombardi, foi testemunha da cena do assento de trás de sua limusine.

Marco fazia questão de que Holly ficasse em sua luxuosa casa até que estivesse recuperada por completo, para convencê-la não duvidou em oferecer a ela e a seu filho tudo o que o dinheiro pudesse comprar. Com o que não contava era com a doçura de Holly, e ao mesmo tempo a indiferença que lhe provocava sua riqueza, fossem comover tanto seu coração. Inclusive chegou a imaginar como seria converter-se em seu marido.


Palavras de uma leitora...

- Mais um livro da Lynne Graham... Foram vocês que pediram...rsrs...

Bem... Eu gostei muito da história. O mocinho chegou a me surpreender, pois não tinha uma imagem equivocada da mocinha. Ele não fica acusando-a de coisas que ela não fez e achei isso surpreendente numa história da Lynne.... Mas claro que há os contras. O mocinho não podia ser tão perfeito. Mas, na verdade, quem merece ser um pouco criticada é a mocinha. Vou explicar...


Um pequeno resumo:

Ela estava sozinha no mundo. Não tinha casa, comida nem alguém que se importasse com ela. Mas não podia desistir... Tinha um filho pra criar e por essa criança tão preciosa, daria a vida se necessário fosse.... E foi o que quase aconteceu....

Depois de ser abandonada pelo pai de seu filho e expulsa de casa por sua família, Holly saiu da cidade pequena e foi tentar a sorte em Londres, mas acabou piorando sua situação. Assediada por seu senhorio e assaltada por um estranho, acabou sem casa e sem dinheiro para se manter... Ficou vagando de rua em rua, sem destino e com medo... Até seu filho quase ser atropelado por uma limunise... Nesse momento, tomada pelo pânico, Holly puxa o carrinho do seu filho e o protege com seu próprio corpo... A limunise freia antes de atingi-la, mas o movimento que fez para salvar o filho a faz cair e bater a cabeça com força no chão... perdendo a consciência...

Marco havia tido o pior dia da sua vida... Após chegar de viagem, resolveu fazer uma surpresa para sua noiva, mas acaba sendo o surpreendido. E a surpresa não foi nada agradável. Com o ego ferido e se sentindo humilhado, Marco rompe com a noiva e vai embora... Sua raiva era tanta que ele desejava se casar com a primeira mulher que cruzasse seu caminho naquele dia.... Um pensamento louco e absurdo, que ele logo trata de esquecer... Mas o destino não esquece e coloca Holly em seu caminho.

Marco ficou muito impressionado com o amor que Holly parecia sentir por Timothy, a ponto de protegê-lo com a própria vida... Mas não foi só isso que o impressionou. Holly era linda e parecia uma menina. Uma joia rara que ele nunca imaginou que pudesse encontrar e ele estava disposto a fazer daquela jovem desamparada e doce, a sua esposa. E de Timothy, seu filho.

Mas as coisas não são tão fáceis... Embora a ame, Marco não consegue confessar seus sentimentos e Holly, apesar de amá-lo e seu amor ser evidente, não consegue viver com a insegurança.. Além disso, Christabel ainda não desistiu de Marco e está disposta a infernizar a vida de Holly...


- Bem... Eu achei a história muito boa. Como disse antes, o mocinho me surpreendeu, pois não ficou acusando a mocinha de algo que ela não fez. Ele a trata com carinho, respeito e não a humilha por sua ignorância em alguns assuntos... Também não a criticou por ter engravidado sem ser casada. Pelo contrário, a entendeu, protegeu e assumiu seu filho como dele. Nossa! Ele gosta tanto do Timothy... É como se realmente fosse dele. Achei a atitude dele muito bonita. Se tenho algo para criticar, é talvez o fato de ter lançado a Holly rápido demais em seu mundo. A menina era muito ingênua e não sabia como agir no mundo dele e eu fiquei com um pouco de raiva dele por isso. Mas, no resto, ele foi um bom homem...rsrs... Ainda estou surpresa.

- E a Holly? Falar dessa mocinha é complicado. Ela foi muito estúpida! Largou os estudos, foi pela cabeça das amigas, ao ouvir palavras melosas de um idiota bêbado, foi para a cama com ele... Por favor! Mesmo sendo do campo ela deveria ter sido mais sensata. Largar os estudos? Ela não tinha motivos para fazer isso. Na verdade, ela cursou até o Ensino Médio, mas não foi pra faculdade. Acontece, que ela não aproveitou os anos que passou na escola, pois não gostava de estudar. Queria era trabalhar para ter roupa da moda...rsrs... Ninguém merece! E ela não conseguiria viver melhor e ter as roupas da moda que quisesse se tivesse concluído seus estudos? Vai entender... Seus pais a incentivaram a fazer a faculdade, mas ela não quis. Quis trabalhar para comprar roupa e sair com as amigas para paquerar. Esse foi seu primeiro erro. Não tinha nenhum direito de lamentar pela sorte que teve, já que foi ela quem não quis estudar. Não foi questão de não ter escolha. Ela simplesmente não quis. Seu segundo erro foi querer ser como as amigas que eram moças extrovertidas demais. Ela não era esse tipo de garota e não deveria tentar ser só para agradar alguém. Seu terceiro e pior erro de todos: ir pra cama com um bêbado. Eles já eram namorados... Ele já a havia traído várias vezes e a boba acreditava que ele não estaria com ela se não a amasse... Sabemos que a banda não toca bem assim. Ele só estava com essa tonta porque ela ainda não tinha ido pra cama com ele. No momento que ela cedesse, ele a largaria. Tudo que ele queria dela era sexo. Mas a garota estava cega. Foi só ele dizer que ela era a mulher da vida dele e que queria se casar com ela, para a tontinha ceder... E adivinha o que aconteceu?! Foi a pior experiência da vida dela. Ele estava bêbado, era egoísta e agressivo e ainda por cima a chamou de frígida....

É claro que não parou por aí... Ela engravidou, foi expulsa pelos pais e agredida pelo pai de seu filho. Ele ainda ameaçou acabar com a vida dela se ela dissesse para alguém que o filho era dele. O que ela viu nesse cara? Tudo bem que o amor é cego, mas ela não o amava... Ela estava apaixonada pelo amor, como ela mesmo disse. Não o amava e mesmo assim foi uma estúpida.

- Quando conhece o Marco, ela fica envergonhada de não ter estudos... Mas era pra ficar! Se ela não tivesse tido oportunidade, eu acharia que ela não deveria se envergonhar de nada... Mas como a história era outra, eu achei que ela mereceu essa vergonha.

- Mas gostei dessa mocinha, apesar de todas as suas burrices. Ela é uma boa pessoa e merecia ser feliz e amada. Bastante protegida tbm, pois se dependesse dela não viveria nem até os trinta. Ela é daquele tipo de pessoa que não consegue cuidar da própria vida sozinha. Precisa de alguém que cuide dela. E o Marco estava muito disposto a fazer isso...rsrs...

- Outras pessoas que me estressaram: os pais da Holly. Gente... Filho é filho apesar de qualquer coisa. Eu não consigo entender como uma mãe e um pai podem abandonar a própria filha grávida. É muita crueldade. Ela cometeu um erro? Sim, cometeu. Mas é crueldade abandonar uma pessoa quando ela está numa situação como essa. Eu jamais teria coragem de fazer algo assim com alguém que amo. Nunca abandonaria uma filha minha grávida no mundo. Eles deveriam ter cuidado dela. Podiam fazer isso, mas a única coisa que lhes importou foi o que os outros iriam pensar e falar. Danem-se os outros! Era filha deles! A única filha que eles tinham e abandonaram! A Holly não deveria tê-los perdoado. E eles nem pediram perdão.

- Enfim... A história é boa, embora tenha algumas partes um pouco estressante.

12 comentários:

Anônimo disse...

kkk Essa eu fiquei com vontade de ler!!! Já li uma história parecida em que a mocinha cai na frente da limusine do mocinho, não sei se é dessa autora, mas tb gostei muito.

bjs

Carla

Luna disse...

Olá Carla!

É o livro NO CALOR DA PAIXÃO?

OBS: ainda não comecei a ler Lição de Ternura porque quero estar bem concentrada quando começar...rsrs...

Bjs!

Anônimo disse...

Oi, penso que pode ser esse. Mas não tenho certeza.
http://www.adororomances.com/arromances.php?cod=2871

bjs
Carla

Anônimo disse...

Oiii Luna!!!
Parabéns pelo seu blog e muito obrigada por disponibizar os livros... amei!!! Mas ultimamente não tenho conseguido baixar. Está havendo algum problema?

Obrigada,

Lina.

P.S. I love Lynne Graham!!!!

Luna disse...

Olá Carla!

Não é, não...rsrs... Fui ver no link que vc me mandou e não é NO CALOR DA PAIXÃO. Mas conheço essa história. REde de Mentiras, né? Eu gostei muito desse livro tbm. É uma história bonita e o mocinho, apesar de arrogante e insuportável, é uma boa pessoa...rsrs... Só estava ferido e precisando ser curado.

Bjs!

Luna disse...

Olá Lina!

Seja bem-vinda!

De nada.

Quais os links que não estão funcionando? Tem como me dizer pra eu poder ver se tem algo errado?

Obrigada.

Bjs!

Anônimo disse...

Acho que meu pc que tá com problemas em baixar do 4shared... vou ver porque...
Leio tudo da Lynne Graham, e também gosto muito de Michelle Reid e Diana Palmer... autoras de mocinhos machões, rsrs... são terríveis, mas eu amo ler essas autoras, kkkk.
Luna, gosto muito de ler tuas impressões e resumos dos livros...
Thanksssss

Luna disse...

Olá querida!

Bem... Eu costumo só colocar links do 4shared porque é o site que mais conheço e confio. Mas acho que algumas pessoas costumam baixar tbm pelo mediafire. Mas por esse site quem não consegue baixar sou eu...kkk...

Da Diana Palmer ainda não li nada. Mas já tem um de seus livros na lista. Lynne Graham, sou viciada em seus livros. E agora tbm gosto da Michelle Reid.

Obrigada.

Bjs!

Lulu Sempre Romantica disse...

Oie Flor

Pode ficar tranquila em comprar no site da Harlequin, até hoje nunca tive problemas...Não esqueçe de doar para o Teleton.

Beijos

Anônimo disse...

Desculpa eu meter o bedelho... rsrs a Diana Palmer tem uma legião de fãs. Os mocinhos dela são uns cavalos..kkk mas se redimem direitinho. As meninas têm ódio dos mocinhos dela mas não conseguem lhes resistir mesmo assim. É um caso digno de estudo. kkk

Tem um dela que eu acho que foge um pouco ao comum. Eu não conhecia muito bem DP mas amei. Ele se chama "Uma Noite em Paris". É um Momentos Íntimos com 3 histórias. É com chefe e secretária, se não me falha a memória (um dos meus temas favoritos).

Li há uns dias outro dela (Brincadeira Perigosa), que eu ri imenso.. kkk tb é com chefe e secretária. A mocinha se despede. Ela arrasta um bonde por ele mas está cansada de ser invisível. Ele fica mais perdido que cego no meio de um tiroteio. Então ele a persegue por todo o lado e quer forçá-la a voltar para a empresa e o faz da forma mais sem tato, parece um homem das cavernas. Ele não consegue perceber que é doido por ela. kkk Coitado dele. Parecia comédia. Todo o mundo naquele livro parece louco. rsrs bjs
Carla

Luna disse...

Olá Carla!

Daqui a pouco eu tbm vou virar fã dessa autora...rsrs... A Lulu disse que ela se parece com a Lynne Graham ao escrever as histórias... Um motivo pra eu tentar ler um de seus livros,né? rsrs...

Esses livros que vc falou vão para a lista! rsrs...

Bjs!

Luna disse...

Lulu,

É... O meu livro chegou bem rápido e estou super contente por isso...rsrs...

Pode deixar. Não deixarei de ajudar.

Bjs!

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.