O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Uma Mulher Inocente - Lynne Graham


O policial boliviano rugiu através da mesa: - Você é inglesa? Onde você se aloja? A pequena habitação estava incrivelmente quente e carregada. Georgie dirigiu a seu interrogador um olhar de fúria com seus olhos violetas e jogou a cabeça para trás, com uma corrente de cachos multicoloridos de todos os tons do cobre ao vermelho titânio passando pelo dourado.

Estava num país estranho, havia sido assaltada e atacada e como se não bastasse... Agora estavam querendo prendê-la! Como sair daquela situação?

Respirando fundo, Georgie fez a última coisa que desejava fazer... Pediu ajuda a Rafael Rodríguez Berganza... O homem que ela amava e que destruiu seus coração quatro anos atrás...

Mas as circunstâncias não lhe davam escolha... Por mais que lutasse, havia chegado o momento de enfrentá-lo uma vez mais....


Palavras de uma leitora...

- Bem... Acho que vocês já perceberam que há três enquetes no blog, né? Claro que sim. E é claro também que não as fiz à toa. Há um motivo...

Duas das enquetes do blog são sobre autoras. Qual a melhor autora de romances? Uma das enquetes expirou ontem e eu fiquei muito contente com o resultado. Quem já viu? Quem já percebeu que a maravilhosa escrita Lynne Graham ganhou?! Sei que não se deve cantar vitória antes do tempo, porém ela já é vencedora pelo menos da primeira enquete. E foi uma grande vitória: 54 % dos votos. Acho que todas aqui conhecem a minha paixão pelos livros dessa escritora, né? Sou viciada em seus livros... Apesar de um deles já ter ido para a lista de "romances que odiei" e outros mocinhos tbm não serem perdoados... Enfim... Eu sou simplesmente viciada em suas histórias. Não é algo que eu possa explicar muito bem...rsrs... Tem vezes que dá vontade de matar seus mocinhos (a maioria das vezes), sacudir suas mocinhas e atacar o notebook longe, mas...rsrs... Nas histórias dela é diferente. E sei que não sou a única a pensar assim. Ela consegue nos fazer aceitar elementos em seus livros, que não aceitaríamos nos livros de outras escritoras.

- Bem... Qual é o objetivo das enquetes sobre autoras? É simples... Por ordem de vencedora serão postados mais livros dessas autoras no blog. Quem estava com saudade dos livros da Lynne Graham se prepare, pois há uns 15 livros na lista. Alguns desses livros eu sabia que existiam, outros não...rsrs... E com a ajuda da Monica que tbm parece ser viciada nessa autora, eu consegui esses livros.

- Enfim... Mas estou conhecendo autoras novas no momento, como por exemplo, a autora Sandra Canfield e a Sandra Brown, que são escritoras maravilhosas e que me encantaram com seu jeito lindo de escrever romances. Não vou deixar de postar os livros dessas autoras e de outras autoras que estou conhecendo. Simplesmente haverá maior frequência de resenhas sobre as autoras vencedoras da enquete. Ok? Acho que está na hora de começar a falar sobre o livro de hoje, né? rsrs...

Um pequeno resumo:

Aos dezessete anos, Georgie era uma adolescente rebelde, impulsiva e louca. Não era algo que ela pudesse controlar. Simplesmente era assim... E esse seu espírito alegre e extrovertido chamou a atenção de Rafael Rodríguez, o homem pelo qual se apaixonou à primeira vista.

Ela o conheceu através de sua amiga do colégio, Maria Cristina, que era irmã dele. Ela e Maria eram como irmãs; sempre unidas para tudo. E Maria queria muito que Georgie fizesse parte de seus passeios com o irmão. Assim, quando Rafael ia visitar a irmã no internato e levá-la para passear, Georgie sempre ia junto. Dessa forma, os dois começaram a se conhecer melhor e uma atração irresístivel nasceu entre eles... e um amor inevitável e explosivo tbm.

Apaixonada por ele, Georgie aceitou encontrá-lo sempre escondida de sua irmã. Rafael havia deixado bem claro que, no momento que Maria soubesse do namoro, tudo estaria acabado. Ela aceitou sem hesitar.

O tempo foi passando e Georgie começou a ficar cada vez mais apaixonada por aquele homem forte, lindo, sexy e arrogante. Mas não entendia o que ele havia visto nela e a insegurança começou a dominá-la.

Dominada pela influência de seu irmão de criação, Steve, ela começou a perceber o quanto Rafael era dominador, frio e insensível... E que estava tentando sufocar seu espírito livre... Assim, para desafiá-lo, se embriagou.

Nesse dia, Georgie, inconscientemente, provocou a separação. Machucando profundamente a ambos.

Mas, quatro anos depois, o destino e Maria, provocam um reencontro explosivo... E agora não haverá maneira de resistir: terão que ficar juntos...para sempre.

Mas as coisas prometem não serem fáceis... Pois, para se entenderem, terão que encarar o passado, superar mágoas e dizer toda a verdade.

Mas como confessar que se amam quando não confiam um no outro? Como aceitar o destino se não conseguem se perdoar?

- Eu achei a história muito boa e divertida. Divertida?! A Lynne Graham não é muito conhecida por divertir suas leitoras durante a leitura, não. Na verdade, seus mocinhos cruéis e arrogantes e suas mocinhas facilmente submissas, são sua marca registrada. Mas com esse romance eu me diverti muito. Estava tão óbvio que se amavam que eu nem me estressei tanto com o Rafael. Não me estressei "tanto", mas isso não significa que ele é um santo. Pelo contrário...

- Cada vez que abria a boca, ele a magoava profundamente. O único momento que conseguiam se entender era quando ele ficava de boca fechada. No momento que ele abria a boca... Lá viam ofensas... Quer um exemplo? Que tal a primeira vez que ele abre a boca?

"- Baixe a saia e te cubra... parece uma prostituta."

O que me dizem disso? rsrsrs...

"- Se não te calar, irei embora." Essa foi a segunda vez que ele falou. Mas eu achei cada afronta desses dois fascinante. Achei a história realmente muito boa e nem quero falar muito para não estragar a leitura de vocês. Não vou contar porque se separaram no passado e nem o que ele pretende fazer agora. Só lendo saberão.

- Mas o que deixou a história mais divertida foi a mocinha do livro. Nossa! Ela é completamente louca...rsrs... Ela não deixava as atitudes do Rafael por menos. Ele recebeu uma taça de vinho na cara e duas fortes bofetadas. E sabe o que ele fez quando ela bateu nele pela segunda vez? Começou a rir...rsrs... Como não rir com esses dois malucos como protagonistas de uma história?

Mas não pensem que só encontrarão graça na história. Apesar de eu estar de muito bom humor e ter deixado passar as ofensas do Rafael, ele estressa sim. Ele parecia querer fazer a Georgie sofrer. E na verdade queria, pois acreditava que ela o havia traído no passado. Mas quando descobre a verdade, a atitude dele faz com que a gente o perdoe:

"- Me perdoe... Poderá me perdoar o que te fiz?"

É claro que as próximas palavras dele já não são muito agradáveis, mas ele pediu perdão e realmente ficou horrorizado por ter lhe julgado mal. Ele fica arrependido e sofrendo por ter desperdiçado quatro anos da vida de ambos. Ele queria muito recuperar o que tiveram antes e não sabia como fazer isso. Aí ele pede que ela se case com ele. O que ela não aceita tão fácil, é claro. Embora ela ainda o ame e queira desesperadamente ficar ao seu lado, não quer que a culpa o faça tomar uma decisão da qual possa se arrepender depois. Ela não enxergava que ele a amava. E ele tbm estava disposto a não fazê-la enxergar, pois, depois de sua estupidez e maus-tratos, temia que ela o deixasse com mais facilidade se soubesse que ele a amava. Ver o Rafael totalmente vulnerável, apesar de sua aparente arrogância e frieza, foi muito bom. Eu adorei.

"- A consciência... está me devorando vivo - confessou ele com tensão lhe acariciando uma das mãos apertadas. - Tenho te feito muito dano. Tentou te defender faz quatro anos e eu não te escutei. Por que não me olha? Por que não fala?"

- Acho que foi todo esse desespero que me fez simpatizar muito com ele, apesar de tudo. Ele teve a dignidade de se arrepender de verdade, coisa que outros mocinhos da Lynne Graham não sabem fazer. Quando ela aceita se casar com ele, ele fica tão feliz que tem que fazer um esforço enorme para aparentar frieza. A gente percebe, entende? Eu percebi em cada palavra os sentimentos desse mocinho. Ele a amava muito e achei isso lindo. E quando ele percebe o quanto estragou tudo o tempo todo, e fica tão arrasado... Luta para fazer com que ela não o deixe. Promete fazê-la feliz e lhe dar tudo que ela quiser. Ele estava desesperado! Prepara um banho pra ela, depois lhe leva comida na cama.... Até a Georgie se assusta. Ele estava tentando tratá-la com carinho, da maneira que sabia. Eu gostei muito do Rafael. Acho que é um dos mocinhos que mais gostei dessa autora.

E não para por aí... ele também troca os lençóis da cama. O que tem demais nisso? Só lendo vocês entenderão. Eu achei a atitude muito sensível e importante.

E eles me divertem e encantam até o final do livro, pois aprontam ainda muito mais. Quando a Georgie foge (esqueci de dizer que ele sequestrou ela...rsrs..) com a clara intenção de ser encontrada por ele, é muito divertido...rsrs... Esses dois nasceram um para o outro. Eu adorei a história!

- E a participação da Maria Cristina nessa história? Eu gostaria que tivesse um livro sobre a história dela e do marido, pois adorei essa personagem. Ela foi o cupido da história. E fez um louco, mas pelo trabalho.

Enfim... Vingança, sequestro, mocinho arrogante, mocinha virgem e louca, sensualidade, romantismo... e vários outros elementos dos livros dessa autora vocês encontrarão nessa história. Eu adorei. E acho que vcs tbm vão gostar.



 




2 comentários:

Anônimo disse...

Tb gosto muito dela. Mas livros de tradução não oficial eu não consigo ler. Me faz muita confusão.. kkk

Tem um dela que eu adorei:
http://skoob.com.br/livro/30729-jogo-de-seducao

beijos
Carla

Luna disse...

Olá Carla,

Entendo... Eu já encontrei ebooks tbm que li, mas me irritando por estar complicado de entender... Mas esse não está ruim, não.


Jogo de Sedução está minha lista. No momento estou lendo Paixão Italiana, depois pretendo ler Lição de Ternura, aí leio algum livro da Penny Jordan (ela é a segunda ganhadora da enquete), depois leio Corações Cativos, aí sim leio Jogo de Sedução....rsrsrs...

Bjs!

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.