O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Meu coração está de luto





- Queridos leitores,


O blog Emoções À Flor da Pele está de luto a partir deste instante. Faz alguns minutos que eu soube que a minha gatinha, minha Melly, morreu envenenada. Algum monstro em corpo de ser humano que eu tenho como vizinho, matou a minha gata. Alguns insensíveis podem dizer que era só um animal, mas para mim, não. Eu nunca vou poder esquecer na minha vida de quantas vezes eu estava passando mal ou triste e ela deitou do meu lado, com o rosto no meu pescoço, como se estivesse me consolando. Quantas vezes ela alegrou meu dia, quantas vezes olhou para mim pedindo carinho. Eu não a via como um animal, mas como uma amiga, uma filha. Ela era a minha vidinha e um monstro a matou. Eu sinto uma dor insuportável. É como se eu tivesse perdido uma pessoa querida. Ai, meu Deus! Parece um pesadelo. Ela ontem estava viva e bem... e hoje está morta. Eu sempre fui contra prender animais dentro de casa, pois sempre pensei que devemos dar liberdade ao que amamos. Mas agora eu me arrependo. Se eu tivesse mantido ela dentro de casa, isso não teria acontecido. Ela gostava de passear por aí, mas sempre voltava. Ontem ela tinha saído e voltou... depois saiu de novo e não dormiu aqui, mas eu não me preocupei, pois ela as vezes fazia isso, mas aparecia em algum momento do dia. Eu pensava que ela fosse aparecer hoje... Eu não podia imaginar que ela estava morrendo. Quando meu vizinho veio me chamar para dizer que ela tinha chegado lá passando mal e que estava morrendo, eu não quis acreditar. Minha irmã foi lá para ver e voltou chorando, dizendo que ela estava morrendo. Eu comecei a gritar. Não consegui me controlar, pois a dor era demais. Isso não é justo! Eu quis ir para lá, para ficar perto dela, mas não deixaram porque eu passo mal fácil... eu não pude ficar perto dela enquanto ela partia. Eu falhei de novo. É a segunda vez que um filho do diabo mata um gato meu. Há mais de dois anos mataram meu Miguel e agora mataram minha Melly. Espero que o desgraçado, o filho do diabo que fez isso morra. Vá para o inferno e apodreça lá. Eu entendo que algumas pessoas não gostem de animais. Mas existe diferença entre não gostar e maltratar, matar. Não tem desculpa e eu não vou perdoar nunca. Quero com todo o meu coração que quem fez isso com ela pague, morra e vá para o inferno. Gente, eu sinto uma dor tão forte... é tão doloroso lembrar dela e saber que por minha causa ela está morta. Porque eu a ganhei e ela ficou sob a minha proteção, os meus cuidados. Ela dependia de mim e eu falhei com ela. Ainda é difícil acreditar que isso aconteceu. Se ela tivesse morrido de alguma doença eu sofreria e me sentiria culpada, mas saber que alguém a envenenou, que assassinou é muito pior. Ai, a minha filhinha, minha gatinha, minha vida... Eu não acredito que ela está morta. Eu queria que tudo fosse mentira, que fosse uma brincadeira de mau gosto, um pesadelo... tudo menos isso. Ai, não...

- Queridos, me perdoem, mas o blog vai ficar sem resenhas por alguns dias. Não sei quantos... Espero voltar logo. Mas no momento não tenho vontade de ler, não tenho vontade de fazer nada. Tudo que quero é chorar. Espero que vocês entendam. Eu não podia desaparecer sem explicar, mas prometo que não vou deixá-los por muito tempo.


Bjs!

11 comentários:

Ana Carolina Nonato disse...

Olá!

Puxa, Luna, eu sei como é isto. Fizeram uma vez com um cachorro muito amado... A pessoa que fez isso é um ser doente e que pagará pelo que fez, eu tenho certeza... A justiça pode tardar, mas não falha.
Eu espero sinceramente que ao menos a dor amenize nos próximos dias e que você consiga se recuperar, relembrando os momentos bons.

Meus pêsames, Luna. :/

maryara disse...

Eu sinto muito, Luna, meu cachorro também morreu assim, ele ainda passou uns dias no hospital, mas lá com a imunidade baixa pegou cinomose e morreu. Foi o pior dia da minha vida. Eu sinto muito por você

Anônimo disse...

Luna querida imagino sua dor. Tive um cachorrinho lindo chamado Bob que também envenenaram e quase morri de tanta tristeza.Meu marido o ensinou e falava pra ele: vai na mamãe e ele pulava no meu colo.Era lindo e muito inteligente. Os animais são anjos na nossa vida. Nos abençoam com sua presença e seu amor incondicional. Infelizmente neste mundo existem pessoas más e de coração mais mau ainda.Mas o fim deles é triste pois Deus é justo e cobra as maldades feitas por estas pessoas(será que devemos chamá-los de pessoas??. Te desejo muita força em seu coração neste momento de dor e recorde de Melly com muito amor e carinho, pois, ela foi um bálsamo em sua vida. Beijos,
Vera Lúcia - verapbh@yahoo.com.br
Ah, adoro seu blog viu, é muito legal

Anônimo disse...

meeus pesâmes luna ;/
dia 2/10/2011 eeu perdi meu primo de 17 anos , de forma mt injustaa esperoo que todas essas pessoas ruins possam pagar .

Gabi (Reader girl) disse...

Oi Luna sinto muito por sua perda, sou apaixonada por animais tenho varios de estimacao, é gato, cachorro, calopsita, tartaruga, e sei o quanto doi perder um bichinho...fiquei indgnada quando li sobre o envenenamento da sua gata, é desumano fazer mal a um animal...po isso quero deixar aqui minha solidariedade, lembre-se da sua gatinha com carinho, pois apesar da saudade, sao os momentos de alegria q ela te deu q prevalecem...bjs

Jessica Oliveira disse...

Oi Luna, entendo bem como você se sente também amo os animais e principalmente os meus e sou completamente contra aqueles que não respeitam o nosso amor pelos nossos bichinhos.Eu também tenho um gato e ele só falta falar por que sabe, não sei como, se eu estou triste ou alegre. Espero que você consiga superar a sua dor e volte logo com muitas resenhas e você pode ter certeza que esse "criatura", por que não posso chamar de outra coisa afinal alguém que envenena um animal indefeso é mais irracional dos que os irracionais, vai pagar por ter envenado a sua querida Melly.
Quando vc voltar tem selinho para você lá no blog. Beijos
http://livrosmelosos.blogspot.com/2011/10/meme-de-aniversario-dark-romances.html

Luna disse...

Olá, gente!


Agradeço a todas pelas mensagens e apoio. Estou melhorando. Hoje saí do meu mundinho fechado e acredito que daqui para a frente as coisas ficarão mais suportáveis. Ela está no céu, pois foi criada por Deus e Ele a pegou de volta. Acredito na justiça divina e entrego tudo nas mãos de Deus. Que seja feita a vontade dEle sempre!

Agradeço por todo carinho e sinto muito pelas pessoas que passaram por algo parecido. Não importa se perdeu um animal de estimação ou uma pessoa querida. Conheço as duas dores e sinto muito de verdade.


Bjs e fiquem com Deus!

Náh disse...

Ei, Luna!
Puxa*
Isso nunca aconteceu comigo, graças a Deus!
Sabe, é engraçado que a gente sabe (até certo ponto) do que o ser humano é capaz... Mas mesmo assim, diante de coisas como essa, eu fico me perguntando o que passa na mente de alguém para tomar alguns segundos preciosos da sua vida para cometer uma atrocidade dessas... Quero dizer (nem sei o que quero dizer, na verdade)... Acho que essa pessoa sequer tem uma vida...
E, Luna, a culpa não foi absolutamente sua... Sei que é difícil aceitar isso, e talvez por nunca ter passado por algo parecido, seja tão fácil para mim dizer essas palavras...
Uma vez uma tia me disse uma coisa muito valiosa, que eu procuro guardar sempre comigo... Nós estávamos conversando sobre destino, vida, e tal... E ela disse que "ninguém morre de bala perdida... A bala era para ela (pessoa)."
Acredito nisso. Acredito que nada nessa vida é por acaso. E quer saber, não fique com raiva dessa pessoa que fez isso... Não fica não, por favor.
É alguém digno de pena, sabe? Alguém tão profundamente egoísta e amargurado e solitário (mesmo que cercado de gente)... Alguém que está ai para ensinar para você, para ressaltar sempre a certeza que você tem de que jamais, jamais será igual a ela...
Pessoas assim me dão pena, realmente.
É um mundo de extremos, Luna, mas extremos que precisam existir. O mal existe para que o bem possa existir também. Jamais se esqueça disso.
Toda vez que você olhar para ela, cumprimente-a, dê bom dia (não é falsidade, Luna...).
Sabe por que estou dizendo isso?
Porque não há nada pior para o coração e para a mente do que ser tratado com gentileza por aquele a quem fizemos algum mal...
Mas se ela não sentir nada (acontece, né?), paciência... A vida ensinará (de um modo ou de outro), acredite. Se ela perceber, se ela se sentir envergonhada, então, Luna, não será um caso perdido. Será um minúsculo pontinho brilhante a mais nos seus (seus, Luna) olhos...
Entendeu tudo o que eu quis dizer?

Boa sorte, Luna!
Lembre-se que para uma única pessoa maldosa, existem milhares carregados de gentileza, caráter, honestidade e, acima de tudo, bondade (infinita).
Seja sempre uma dentre esse milhar.

Um grande beijo,
Náh

Luna disse...

Olá Náh!


Muito obrigada pelas palavras de apoio, pelo conselho, pela força. Obrigada de verdade.


Só digo que, infelizmente, não poderei fazer uma das coisas que vc pediu, flor, pois não sou forte o suficiente para isso. Não conseguirei ter forças suficientes para falar com a pessoa que matou minha Melly. Meu coração não consegue sequer imaginar algo assim. Eu não consigo.

Sabe... Hoje, neste momento, eu tbm sinto pena da pessoa que matou minha Melly. Não desejo nada de bom para essa pessoa, mas no fundo do meu coração eu sinto pena dela... Está passando pela vida apenas para fazer o mal para os outros. E um dia tudo isso vai se voltar contra ela. Fico me perguntando se ela irá suportar que tudo que fez retorne. Sinceramente, acho que não quero presenciar isso. Quero distância dela. Eu simplesmente a entreguei nas mãos de Deus. Que seja feita somente a vontade dEle.


Bjs, flor!

katia purgato disse...

hoje li o que escreveu e usei para descrever o que sinto estou brava por que minha gata estava com 4 GATINHOS amamentando e agora olho para eles e me parte o coraçao

katia purgato disse...

hoje usei o que escreveu para expressar meus sentimentos minha gata morreu deixou 4 gatinhos amamentando e agora quando olho para eles sinto uma tristeza muito grande eles estao orfaos tao sedo por culpa de um mostro

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.