O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Desejo de Vingança - Lynne Graham

(Título Original: Roccanti´s Marriage Revenge
Tradutora: Daniela Yurica
Editora: Harlequin
Edição de: 2012)

 Casamentos Ordenados 1/3

Herdeira comprometida arrisca tudo por homem misterioso!

O plano de Vitale Roccanti era simples: seduzir a filha para atingir o pai. O que poderia dar errado? No entanto, a manchete que anunciava o sucesso de seu plano não proporcionava sequer metade da satisfação que tivera ao tocar Zara, muito embora a reputação dela estivesse destruída!



Palavras de uma leitora...


" - Seres humanos não são perfeitos - ela respondeu rapidamente, levantando um dedo fino para correr pelo rosto dele. - Não espero isso."

- Zara faria o que fosse preciso para ganhar a aprovação dos seus pais. Por isso, aceitara o pedido de casamento de Sergios Demonides, um bilionário que tinha negócios com o seu pai e desejava uma esposa para criar as crianças pelas quais ele se tornara responsável. Sergios não estava disposto a oferecer-lhe amor e nem estava interessado em dividir a mesma cama com ela e ter seus próprios filhos. Zara apenas serviria como uma mãe para as crianças, nada mais. Fidelidade não fazia parte do acordo. Pelo menos, não da parte dele. Ela sim deveria manter-se fiel e ser a esposa perfeita. Esquecer-se para sempre que era mulher e dedicar-se somente às crianças. Não era pedir muito, certo? Apesar de saber que estava mergulhando numa situação da qual não conseguiria mais sair e que a tornaria infeliz, Zara não se importara. Abrira mão de tudo para ser a filha que seus pais desejavam. Para conquistar o que buscara desde que era uma menina e que jamais encontrara. Para seus pais, ela não passava de uma estúpida. A que deveria ter morrido no lugar do irmão gêmeo. Se somente aceitando Sergios ela seria digna do amor dos pais, então ela assim o faria. Mas todas as suas escolhas ficam profundamente ameaçadas no momento em que ela conhece Vitale Roccanti, o único capaz de fazê-la conhecer o paraíso e o inferno... ao mesmo tempo

Vitale esperara anos para acertar as contas com o pai de Zara. Durante toda a sua adolescência ele alimentara o ódio que sentia pelo homem que destruíra a vida de quem ele mais amava no mundo e nem o tempo fora capaz de fazê-lo deixar de lado seu desejo por vingança. E agora que finalmente chegara o momento que ele tanto aguardara, não permitiria que a inocência daqueles lindos olhos azuis o fizesse voltar atrás. Talvez ela fosse inocente... talvez não tivesse nada a ver com aquela história... e, na realidade, ele nada tinha contra ela. Porém somente através dela, Vitale poderia ter o que desejava. Ainda que o gosto da vingança fosse puro fel. 

- Bem... Não encontrei nessa história nada do que eu esperava. Nada do que eu acreditava que encontraria. E isso não é necessariamente algo ruim. Quando soube do lançamento desse livro, dois anos atrás, imaginei que Vitale fosse mais um daqueles ogros que a Lynne Graham tão bem sabe criar. Achei que ele fosse mais um mocinho-vilão que eu desejaria matar, mas não sem antes fazê-lo comer o pão que o diabo amassou. Porém... as coisas não são bem assim. Vitale não é assim. Ele é um imbecil, disso não há dúvidas, mas sabe reconhecer seus erros e recomeçar. Tem humildade suficiente para admitir que errou, pedir desculpas e tentar consertar as coisas da melhor maneira possível. Eu odiei o que ele fez com a Zara. Odiei o fato de ele tê-la usado daquela maneira, sem se importar com os sentimentos dela e as consequências que sua atitude poderia ter na vida dela depois. Ele só pensava em si mesmo. Em conseguir a sua vingança. Nada mais. Só que eu já conheci mocinhos mil vezes piores e fui capaz de perdoá-los. Comparado com certos mocinhos (da própria autora), o Vitale é um anjo.rsrs...

Apesar disso, do fato do mocinho não ser a peste que eu imaginava, a história não me cativou. Talvez porque eu estava "prisioneira" de uma outra história, mas não acredito muito nisso, não. Porque bem antes de eu mergulhar nessa outra história, já estava "cansada" do livro. Ele não é ruim. É uma boa história, que possui seus encantos, mas é justamente essa a questão: é apenas uma "boa história". Nada além disso. É um livro para passar o tempo e eu não estava num humor para esse tipo de livro. Eu queria uma história que me provocasse sentimentos intensos, mesmo que fosse o ódio. Eu queria "sentir" a história e com esse livro foi impossível. Vitale e Zara não são personagens fortes, marcantes. Não mexem com a gente. É um casal do qual, infelizmente, esquecerei rápido. A história foi agradável, sim. Mas só isso. 

"- Eu costumava ver tudo em branco e preto. As pessoas, no entanto, raramente são boas ou más, geralmente são uma mistura dos dois e todos cometemos erros."


- Espero ter mais sorte com o segundo livro da trilogia. Da Lynne Graham, eu jamais desisto.rsrs... 

2 comentários:

Aline Ramos disse...

Eu adoro sua resenhas, especialmente dos livros da Lynne(sou viciado nos livros dela como no de Diana Palmer... srsr). É bom ver que outra pessoa também sentiu o mesmo que eu,estou tão acostumada com os "cavalos" da LG que quando apareceu Vitale eu ficava me perguntando se a editora não errou o nome da autora..srsrsr....achei o livro legal,mas não vai pra lista dos meus favoritos... Assim como vc, espero que os demais da trilogia sejam melhores...jssssssss

Luna disse...

Olá, Aline!

kkkkkkkkkkkk... Essa também foi uma pergunta que eu me fiz.rsrsrs... É surpreendente conhecer esses mocinhos tão diferentes daqueles que a autora costumava criar. E por incrível que pareça, eu sinto falta daqueles mocinhos.rsrsrs... Eram histórias que me tiravam do sério, mas eram também apaixonantes.

Bjs!

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.