O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

domingo, 1 de março de 2015

Em fevereiro...


- A Estranha Perfeita é um filme que conseguiu me decepcionar bastante. E realmente cheguei a me arrepender de tê-lo visto. A Casa de Vidro 2 eu já perdi a conta de quantas vezes assisti!rsrsrs... Adoro esse filme! Já Lendas da Paixão é filme que eu vinha tentando terminar de assistir há séculos, mas nunca conseguia. E penso que eu deveria ter parado de insistir.kkkkkk... Detestei o final. O filme é maravilhoso, mas fiquei chocada com a maneira como ele terminou. E arrasada também. :(



- A Casa do Lago é um filme que assisti por indicação da minha querida amiga Carlita. E amei! A história é linda, recheada de cenas que nos fazem suspirar. Para o amor não existem limites. Nem mesmo o tempo ou a distância é capaz de impedir duas pessoas que nasceram para se amar. Suspiros... P.S. Eu Te Amo é outro filme que perdi a conta de quantas vezes assisti. E chorei vendo. Não importa se já vi dez, vinte, trinta vezes. Sempre me emociono muito. 




- Estão aí dois filmes que assisti ao lado dos meus pequenos e preciosos anjos. São meus três priminhos que amo como se fossem meus filhos. Ao lado deles, vivi momentos muito divertidos enquanto assistia A Princesa e o Sapo e Frozen: Uma Aventura Congelante. Os dois filmes são muito bonitos, mas prefiro o segundo. :)

- Bem... Esses foram os filmes que assisti no mês de fevereiro. Mas além deles, também vi, por pura e estúpida curiosidade, um filme chamado Secretary. Vocês não fazem ideia do quanto eu me arrependi de tê-lo visto. O considero o pior filme que tive a infelicidade de assistir em minha vida! E com certeza NÃO recomendo!!!




- Eu sou louca pela série Lei e Ordem: Unidade de Vítimas Especiais há vários anos. Perdidamente apaixonada! Os detetives Olívia Benson e Elliot Stabler conseguiram ganhar meu coração ao se envolverem profundamente com os casos que investigam. Eles não apenas fazem o trabalho deles para que as vítimas possam ver seus agressores pagarem pelo que lhes fizeram. Não. Eles colocam a alma deles em cada caso, deixando-se levar pela raiva, pela revolta em alguns momentos... pela tristeza e o desespero em outros. Além de consolarem as vítimas como ninguém. É graças a eles que sigo vendo essa série (embora o Elliot já não faça mais parte dela há algumas temporadas). Claro que a série possui outros personagens maravilhosos e que sabem ser humanos, se colocar no lugar das vítimas. Mas Olivia e Elliot sãos os meus queridos. :)

Apesar de assistir essa série há muitos anos, sempre a assisti toda fora de ordem.kkkkkk... Episódios soltos. Por isso, há cerca de um ano, decidi assistir a série toda desde o princípio, seguindo a ordem dos episódios. E em fevereiro assisti toda a quarta temporada. :D




- Eu passei quase um ano ao lado de Sortilégio, acompanhando as reviravoltas do romance entre Alejandro e Maria José e todas as intrigas preparadas pelo Bruno e outros personagens que insistiam em separá-los. Uma novela belíssima, indicada pela minha querida amiga Moniquita, e que conquistou um espaço especial em meu coração. Toda vez que eu via o casal protagonista junto, ficava suspirando e sonhando acordada.rsrs... As cenas eram sempre lindas, apaixonantes. E sei que sentirei muita falta deles. Na verdade, já estou sentindo. :( Até do Bruno (um vilão que sabe bem como ser cruel) eu sinto falta.kkkkkkkkkkk... Foi uma das melhores novelas que tive o privilégio de assistir. E jamais esquecerei.


- Esses foram os filmes, série e novela que assisti no mês de fevereiro. Também ouvi algumas músicas lindas. E deixo aqui para vocês aquela que mais me tocou: 





E como é suposto ser um resumo do meu mês, eu mais uma vez não poderia deixar de falar dos livros que li, não é? :D





"Seu coração, contudo, estava em pedaços. Passarei o resto da vida com um peso na alma por não ter correspondido ao que você esperava de mim, por não ser um homem livre, e, principalmente, por tê-la feito me amar."


"Pela primeira vez, Stanton sentiu uma pontada de culpa por expor Alicia daquela maneira. Não seria fácil enfrentar a sociedade que a condenara. Ele apertou-lhe a mão. 
- Não tenha medo, Alicia...
Ela o fitou com um brilho beligerante no olhar.
- Eles devem ter medo de mim."


"- Fique mais um pouco - pediu.
E um sentimento de paz o dominou quando ela apoiou a cabeça em seu ombro e assim ficaram em silêncio, compartilhando um entendimento que ia além das palavras."

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.