O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

domingo, 2 de outubro de 2016

Em setembro...



- Setembro não foi um mês muito bom para séries, filmes ou livros. :( O mês se foi e eu não consegui assistir um filme sequer. E nem assisti a 5ª temporada de Once Upon a Time conforme tinha planejado. O que me deixa triste e um tanto (muito) irritada. 

A Gata é uma novela que não estava nos meus planos assistir. Mas quando vi o primeiro capítulo, fiquei completamente envolvida, assim como fico louca por alguns livros especiais. Soube que necessitava, com desespero, acompanhar a novela, mesmo sabendo que não tinha tempo para isso.kkkkkkkk... E não me arrependi.rs

A novela é bem melodramática e consegue me irritar em alguns momentos (sobretudo aqueles nos quais o Paulo é mais idiota do que de costume), mas me fascina! Adoro a protagonista, a história por trás dela, seu passado desconhecido, os sofrimentos que seus pais enfrentaram por causa da obsessão e inveja de um homem perigoso... tudo isso contribui para me prender à trama. :) No entanto, nem tudo são flores... Não sinto só carinho pela novela. Não a amo o tempo inteiro e não garanto que seguirei vendo-a até o final. 

Isso porque o protagonista masculino é um dos piores que já conheci. Fraco, mimado, incapaz de uma atitude coerente. Parece um bebê chorando por tudo e desejando que os outros solucionem os problemas por ele. Não é capaz de fazer nada por conta própria e jamais foi um verdadeiro apoio para a Esmeralda. Se dependesse dele, ela e os filhos estariam passando fome e ele continuaria se lamentando pelos problemas que julga ter na vida dele. Sabe... Como eu disse num post anterior, ele é um "pobre menino rico", que nunca ajudou de verdade a mulher que tanto diz amar, mas que não defende nem da família dele. 

Além do estrago que esse personagem faz na novela, quando a comparo com Lo que La Vida me Robó ou outras novelas mexicanas e muito queridas que já vi, não deixo de me sentir frustrada por ver os personagens falando tanto e fazendo tantas promessas ao invés de agirem. Eles falam e falam, e atitudes que são boas... nada! Sinto imensa falta de um pouco mais de ação, de brigas que façam sentido, daquelas paixões mais intensas bem típicas das novelas mexicanas e que eu tanto amo sejam em livros ou em novelas. 

Não sei por quanto tempo a Esmeralda e a história sobre os pais dela conseguirão me prender à novela. Tenho a tênue esperança de que o Paulo aprenda a ser um protagonista. Sim... a esperança é sempre a última que morre.rs





- Já não sei o que faço com Sila e Boran... Têm horas que quero sacudi-los e gritar dentro do ouvido deles para ver se assim conseguem escutar alguma coisa. Dois imbecis! Teimosos, de gênio terrível e, por vezes, infantil. Quando irão parar de se atacar desse jeito???!!! Já disse para a Sila que ela deveria quebrar algo na cabeça dele, pegar o filho e ir para bem longe por um tempo para ver se o Boran cai em si. Mas aí... quando a Sila faz algo é da maneira errada, diferente da que sugeri, e acabo por ficar com pena do Boran e raiva dela... e assim por diante. Eles me deixam louca. A ponto de puxar os cabelos e gritar.kkkkkkkkk... Nunca consigo assistir a novela em silêncio. Estou sempre discutindo com eles, ou xingando os vilões ou dizendo "Ai, que lindo! Oh, Deus! Que fofos!" quando eles estão juntos.rs Além de que... não canso de pensar que adoraria estar no lugar da Sila, no que se refere a ter um marido como o Boran. É claro que acabaria perdendo a paciência com esse teimoso-lindo-de-morrer-pedaço-de-mau-caminho, mas como amaria tê-lo como marido. Como faço para encomendar um igual?! Suspiros... 

Me entristece pensar que a novela já está chegando ao fim. :( A Band fez ótimas apostas, começando por Mil e Uma Noites, com a complexa relação entre Onur e Sherazade; seguindo com Fatmagul - A Força do Amor, que tem um lugar todo especial no meu coração e me ensinou tanto, me fazendo rir e chorar muito, mexendo demais com minhas emoções; e depois Sila - Prisioneira do Amor, que me mostrou uma outra região da Turquia, marcada por tradições ultrapassadas e que tanto mal fizeram a vários personagens da história, fazendo muitos deles serem condenados à morte por coisas que os clãs consideravam crimes. Mesma região em que Boran e Sila se conhecem e se veem obrigados a se casar para salvar a vida de seus irmãos. Foi um amor tão improvável... que surgiu em meio ao ódio, ao rancor e à prisão na qual a Sila se encontrava. Eu me vi muito dividida, sem saber o que pensar do Boran em tantos momentos... ele me fez sentir tanta raiva em certas cenas, que não sou capaz de esquecer... Mas o amor entre ele e a mocinha me faz sonhar acordada, me encanta, me apaixona. É um amor tão forte... Me pergunto qual será a próxima aposta da Band. Gostaria de acreditar que será uma novela tão mágica e apaixonante como Mil e Uma Noites, Fatmagul e Sila foram. Mas se for a novela que estou pensando... minha fase de novelas turcas chegará a um involuntário fim. Não quero novelas com finais indesejáveis. Não quero histórias trágicas. Quero histórias de amor, com a promessa de final feliz como a de Onur e Sherazade, Fatmagul e Kerim, Sila e Boran. Não é pedir muito, verdade? :)



E os livros que li foram...
"- Eu te amo - repetiu ele. - Não há nada nesta vida ou na próxima que possa me fazer deixar de te amar."



"Sinto a sua falta, digo a ela, não suporto o fato de que você vai deixar de fazer tantas coisas.
  Não sei como o coração suporta isto."


2 comentários:

Luciana Miranda disse...

Que lindo saber que além dos livros, tb temos outras paixões em comum, como as novelas mexicanas e turcas e Once Upon a Time!!!

Beijoss!

Luciana*
Amante do Deserto

Luna disse...

Olá, Luciana!

kkkkkkk... Não vivo sem essas novelas.rsrs São maravilhosas! E Once Upon a Time conseguiu pegar os meus contos queridos e reconstruí-los de uma forma irresistível. Amo!

Bjs!

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.