O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Lançamentos Harlequin - Setembro



- Olá, gente! :)

Dos 13 lançamentos Harlequin deste mês, temos como destaques:

- “Leilão de Solteiros”, de Emilie Rose!
- Primeiros Sucessos traz a querida autora DIANA PALMER com “Feridas de Amor”.
- LESLIE KELLY está de volta em Flor da Pele com “ARREPIO”,
- Leanne Banks, autora bestseller do USA Today traz o título “Par de Luxo”!

E eu estou mais do que ansiosa para ler... :D



REDENÇÃO TOTAL - Joanna Fulford
Harlequin Históricos - Medieval

Uma noiva guerreira na cama do Viking!

Temperamental e geniosa, Lara tem tanto talento com a espada quanto pretendentes indesejados. Finn Egilsson chega a seu povoado com o objetivo de fazer uma aliança com Ottar, pai de Lara, para derrotar um inimigo em comum. Ottar estava disposto a oferecer navios e armas, desde que Finn aceitasse desposar sua filha. Apesar de não ter intenção de se casar outra vez, um beijo apaixonado de sua noiva relutante faz seu sangue viking ferver. Lara tem coragem suficiente para não se render em uma batalha, mas o que Finn deseja é que ela se entregue completamente no leito nupcial. 


ARREPIO - Leslie Kelly
Harlequin - À Flor da Pele

Era uma noite escura e sensual. E ela estava em perigo! 

A jornalista Lottie Santori mal podia esperar para se livrar da família superprotetora e se jogar em uma aventura erótica. Ao ser escalada para fazer uma matéria fora da cidade, ela tem a oportunidade perfeita para viver sua fantasia. Lottie precisa investigar uma casa antiga e assustadora. Quando se vê no centro de vários “acidentes”, começa a achar que talvez existam mais mistérios rondando os aposentos do que poderia supor… Por sorte, o anfitrião é exatamente o tipo de homem que faz sua pele arrepiar: alto, moreno, misterioso… Ela não tem dúvida de que sentirá muitos calafrios enquanto estiver na mansão mal-assombrada, mas as noites selvagens com Simon Lebaux compensarão cada frio na espinha…


FERIDAS DE AMOR - Diana Palmer
Coleção Primeiros Sucessos

Seus dias de solteiro estariam contados?

Ele era forte, encantador e seguia regras próprias. Ela era tímida, despretensiosa e inocente. Juntos, os vizinhos Jordan Powell e Libby Collins pareciam água e óleo. Mas quando Jordan assumiu a missão de ajudar Libby a manter a propriedade da família, todos na cidade sabiam que era uma questão de tempo até ouvirem os sinos da capela. Jordan não consegue negar o sentimento que surge toda vez que tem Libby em seus braços. O orgulho, porém, o impede de se entregar. Libby será capaz de domar o coração desse cowboy?


LEILÃO DE SOLTEIROS - Emilie Rose
Harlequin Desejo

Vendido para o Prazer
À venda: Solteiro número nove.
 Bad boy reabilitado. 
O sonho de Juliana Alden era viver uma aventura. E ela soube que estava prestes a realizá-lo no instante em que seus olhos pousaram em Rex Tanner durante um leilão. Apenas precisava dar o maior lance! Embora dominado pelo desejo, Rex jurou que manteria seu lado selvagem preso, pois se Juliana realmente o conhecesse, ele perderia muito mais!

Vendido para a Redenção
À venda: Solteiro número 13. 
Uma paixão ainda em chamas… 
Oito anos após Clayton Dean ter destruído o coração de Andrea Montgomery, ela vê a chance de tê-lo outra vez comprando-o em um leilão. Andrea iria dominá-lo e seduzi-lo completamente… Mas logo fica claro que é ele quem tem poder sobre Andrea. Clay sabia que ela apenas queria entender por que fora abandonada. Mas a verdade poderia ser devastadora!

Vendido para a Sedução
À venda: Solteiro número 23. 
Cada beijo pode render juros em curto prazo… 
Holly Prescott abdicara a riqueza da família em prol de uma vida simples. Porém, durante um leilão de solteiros, viu-se em uma enrascada: ter que arrematar o banqueiro Eric Alden. Eric não iria se submeter à mulher que desse o maior lance. Por isso, mirou Holly. Eric poderia confiar nela, ainda que sua proposta fosse um relacionamento rápido e sem compromisso…


AMOR EM CONSTRUÇÃO -  Michelle Douglas
Harlequin Special

O AMOR VEM PARA TODOS…

Projeto de Amor
Dominic Weight se orgulha de sua trajetória profissional, e o próximo projeto será o passaporte para o sucesso! Mas nem tudo vai às mil maravilhas... Dominic terá de servir de “babá” para a filha mimada do patrão. Bella Maldini conhece a má reputação de Dominic. Entretanto, se quiserem ser bem-sucedidos, terão que formar uma equipe. Tudo seria mais fácil se Dominic não fosse tão cínico, complicado, controlador... e mais sexy do que qualquer homem que Bella já conhecera!

Pedidos Realizados
Depois de um ano difícil e de perder o pai, Addie Ramsey não está em clima de festas de fim de ano. Ela planejava passar o feriado sozinha quando recebeu um convite de seu novo chefe, o bilionário Flynn Mather, para acompanhá-lo em uma viagem de negócios à Europa. O Natal nunca fora uma data mágica para Flynn. Porém, ao ver alegria pura brilhando nos olhos de Addie, começa a acreditar que talvez ela seja o melhor presente que já recebeu em toda sua vida...


PAR DE LUXO - Leanne Banks
Harlequin Rainhas do Romance

Conquistando o amor passo a passo… 

Criar calçados é o que Jenny Prillaman sempre desejou. E seu sonho se realiza ao ser convidada a desenhar o par perfeito para o casamento de uma socialite. Já lidar com a cliente é outra história… Sem contar ter que conviver com Marc Waterson, seu novo-chefe-tudo-de-bom-para-ser-ignorado-por-muito-tempo. Fazer da Bellagio Shoes um sucesso internacional é a maior ambição de Marc. Mas, na vida pessoal, o que ele quer mesmo é encontrar a mulher certa. Pena que Jenny esteja decidida a focar no trabalho em vez de se tornar a esposa de um executivo. Contudo, Marc sabe que o caminho para coração dela é um par de sapatos que seja só luxo!



UM HOMEM INESQUECÍVEL - Maggie Cox
Harlequin Paixão

Proibido no passado. Desejado no presente.

Lara Bradley é tomada pela ansiedade quando o milionário Gabriel Devenish aparece de surpresa à sua porta. Ele não é mais um garoto bacana por quem Lara nutria uma paixão de adolescente. Gabriel tornara-se um homem duro e implacável... Ele sabe que deve se manter distante da inocente Lara e deixar claro que qualquer esperança de um final feliz ao lado dele é inútil. Porém, ao tentar convencê-la de que é o homem errado, Gabriel descobre o quanto Lara o deixa feliz pelo simples fato de derrubar as barreiras que construíra para proteger seu coração!


DESEJO POSSESSIVO - Sara Craven
Harlequin Paixão 

“Deixo todos os meus bens para Andre Duchard...”

Ao serem lidas as últimas palavras do testamento do padrasto de Virginia Mason, o silencio no gabinete se torna ensurdecedor. De repente, a vida da inocente Ginny é destruída. Sem dinheiro, sem trabalho e sem casa, seu futuro fica inteiramente nas mãos do enigmático Andre Duchard. Ele é muito atraente e dominador, tudo o que Ginny detesta em um homem. Mas depois de um beijo roubado, ela se rende a um desejo inconfessável. Como Ginny poderá convencer Andre que não é parte da herança quando tudo o que mais quer é ser possuída por ele?


Que tal conferir agora algumas promoções imperdíveis????!!!







Em agosto...



O Segredo dos Seus Olhos é um filme do qual eu já tinha ouvido falar e estava cheia de expectativas quando comecei a vê-lo. E embora o filme não chegue a ser péssimo não passa muito longe disso não, na minha opinião.rs Para mim, foi uma grande perda de tempo. A única parte "boa" do filme foi a punição que o psicopata recebeu no final. Fico estressada só em lembrar das horas que gastei assistindo-o.kkkkkkk... 

Deus Não Está Morto é um filme que me recomendaram bastante, mas que só agora eu tive a oportunidade de assistir e valeu a pena cada instante. Eu não esperava muito dessa história e acabei me surpreendendo, vendo como a vida de alguns personagens se relacionava com a de outros e a maneira como aquele jovem estudante, mesmo correndo o risco de ter seu futuro prejudicado, não aceitou ser forçado pelo professor a declarar que Deus não existia. Eu admirei a coragem dele e de outras pessoas, mas fiquei triste com o final. Não achei que precisava terminar daquela forma. 




Não é segredo para ninguém que eu sou louca por novelas.rs E não havia a menor chance de eu conseguir resistir à Soy Tu Dueña. Comecei a vê-la no dia da estreia no Sbt, mas por conta dos evidentes cortes (até bofetadas estão cortando e isso para mim vai além do tolerável) resolvi acompanhá-la em espanhol mesmo. O bom é que posso assistir quantos episódios eu quiser por dia, mas o ruim é que eu realmente adoraria vê-la pelo Sbt, dublada, do jeito que eu sempre via minhas amadas novelas mexicanas no passado. Enfim... Estou amando cada capítulo e louca para que o Fernando Colunga apareça e faça a Valentina perceber que o Alonso era tudo que ela não precisava.rsrsrs... 




Além do Tempo continua me encantando e eu sempre fico ansiosa pelo próximo capítulo. Contando as horas, minutos e segundos para começar.rs Não é uma novela focada apenas no triângulo amoroso formado pela Lívia, Felipe e Melissa (e ainda temos o Pedro para complicar mais as coisas). Não. É uma novela muito mais completa, mostrando as consequências de um ódio que dura já mais de 20 anos, um amor que sobreviveu a mesma quantidade de tempo e as gerações que serão atingidas por eles. É uma novela que me surpreende dia após dia, a única novela da Globo na qual estou apostando no momento. E claro que estou louca para que o Felipe e a Lívia sejam felizes. Juntos. Não aceito menos que isso. :)




Mil e Uma Noites... Uma novela que ainda vai fazer eu ter um ataque do coração!kkkkkk... Não sei o que eu faço com o Onur e a Sherazade. Eu os amo tanto, mas são inúmeras as vezes nas quais desejo esganá-los. E nessa reta final da novela ocorreram tantas reviravoltas, com separações, perdas, assassinatos, que eu ainda me sinto perdida. E furiosa. A noite negra voltou quando eu menos esperava, provocando um grande estrago na vida de vários personagens e fazendo a Sherazade ser de novo a mocinha insuportável que só ela sabe ser. Por mais que eu a entenda não posso negar que ela exagera e magoa as pessoas que diz amar toda vez que se sente ameaçada ou ferida. Está mais do que na hora de ela perceber que não é a única que sofre, que não é a única que chora ou sente. Quero muito vê-la feliz com o Onur, mas antes espero que ela aprenda algumas lições. 



A 10ª temporada de Lei e Ordem: SVU foi tão tensa, emocionante e maravilhosa quanto as temporadas anteriores. E tivemos a oportunidade de matar a saudade que sentíamos da promotora de justiça Alex Cabot. Mas ainda sentimos uma dorzinha no coração pelo adeus da promotora Casey e por estar cada vez mais próximo o dia em que o nosso amado detetive Elliot Stabler deixará a série. :(



Abertura de Soy Tu Dueña...



E os livros que li foram...





"Amo você. Nunca deixarei que alguém a machuque."



"Ele deslizou os braços em torno dela e enterrou o rosto nos cabelos molhados.

— Senti tanta saudade de você — sussurrou. — Senti saudade de sua magia."




"Era muito fácil amar a uma mulher o suficiente para viver com ela toda uma vida. Amá-la o suficiente para deixá-la em liberdade era algo completamente diferente."



"Estava ali porque precisava dela. Tê-la a seu lado o fazia se sentir vivo. Ela era riso e luz e ele estava cansado de viver na escuridão."




sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Revelações do Amor - Susan Mallery

(Título original: Her Last First Date
Tradutora: Gracinda Vasconcelos
Editora: Harlequin
Edição: julho de 2015)

Trilogia Positivamente Grávida 3/3


Há doze anos, Crissy Phillips deu à luz um filho, e, apesar de tê-lo entregado para a adoção, jamais o esquecera. Agora, a convite da família adotiva, ela tem a oportunidade de fazer parte da vida de Brandon. Crissy queria dedicar-se completamente à criança, mas Josh Daniels, o tio do menino, atrai sua atenção. Desde a morte da esposa, ele não se interessara por outra mulher. Apenas Crissy conseguira se aproximar e tocar seu coração. Tudo parecia perfeito, até ela descobrir que engravidara novamente… 



Palavras de uma leitora...


"Doze anos atrás, conseguira a liberdade que ansiava, mas a que preço?"

- Aos 17 anos de idade, prestes a terminar o ensino médio, Crissy resolveu ter sua primeira experiência sexual, mas tudo que ela não poderia esperar é que fosse ficar grávida, que seu namorado sequer pensaria em se casar com ela e que ele ainda fugiria de toda e qualquer responsabilidade. Totalmente apavorada, sabendo que se ficasse com aquele bebê teria que desistir de todos os sonhos que alimentara, ela buscara apoio nos pais para entregar o filho à adoção. Na época, parecera-lhe a decisão certa... encontrar para aquele bebê inocente um lar, com pais que o amassem e o criassem de forma segura. E quando conheceu Abbey e Pete soube que estava diante de um casal que daria ao seu filho tudo o que ela não poderia dar. E o entregou. Depois seguira em frente, recusando-se a voltar a vê-lo. Recusando-se a reconhecer que tinha tido um filho e que o rejeitara. Mas a dor que a consumira em silêncio jamais a abandonou. Com frequência, os pais do menino lhe mandavam fotos e cartas e a convidavam, ano após ano, para conhecê-lo pessoalmente. E durante doze anos, Crissy jurara que jamais cederia. Até que algo em seu interior falou mais forte e ela tomou a decisão que sabia que lamentaria. A decisão de finalmente enfrentar seu passado, seus erros, sua dor e saber o que perdera. Ver o menino que um dia carregara em seu ventre, que optara por perder e que jamais poderia recuperar...

"Ela o vira em pessoa apenas uma vez antes. Cerca de 13 anos atrás, em uma manhã de quinta-feira quando a enfermeira lhe entregara um pequeno bebê, enrolado em uma manta, para segurar.
Crissy lembrou-se de ter recusado e apontado para uma chorosa, mas exultante, Abbey.
- Aquela é a mãe dele - afirmara convicta do que estava dizendo.
Mas ainda continuava com a mesma convicção?"

- Teria ela realmente forças para levar adiante aquela decisão? Conseguiria ver o filho sem que isso a destruísse? O ouviria chamar outra pessoa de "mamãe" sabendo que um dia tivera aquele direito e o recusara? E o mais importante: algum dia conseguiria olhar para trás e ver o quanto estava jovem e perdida? Conseguiria perdoar a menina que um dia fora e que desistira da parte mais importante de si mesma? Durante doze anos se castigara, incapaz de perdoasse. Só ansiava por saber se um dia conseguiria... Porque disso dependia sua felicidade. Porque somente assim poderia recomeçar. 

"Tinha a sensação de que parte dele morrera com a esposa. [...] Entretanto era exatamente o que ele queria. Uma vida sem emoção, sem sentimento. Porque se apaixonar e depois perder Stacey quase o matara. Não estava disposto a correr esse risco outra vez. Por ninguém."

- Quatro anos atrás, ele havia perdido a sua vida. Por mais que respirasse, no fundo, ele sabia que estava morto. Que morrera no dia em que Stacey partiu, levada por um câncer que a consumia desde criança. Não importava o quanto sua família e amigos insistissem para que ele seguisse em frente, para que a deixasse ir, sabia que sempre a amaria. Que só haveria lugar em seu coração para ela, que nenhuma mulher jamais conseguiria mexer com seus sentimentos... até conhecê-la. Ele havia sido encarregado pelo irmão e pela cunhada de facilitar as coisas para que Crissy conhecesse o filho que um dia abandonara. Embora eles fossem pessoas bondosas e ingênuas demais, animadas com a possibilidade de provocar aquele encontro, Josh tinha suas reservas. Não sabia o que de fato Crissy pretendia e estava disposto a proteger sua família. Mas tudo mudou depois que ele a viu pela primeira vez. Algo aconteceu ali. Algo que ele não se atrevia a nomear... algo que talvez estivesse prestes a tirá-lo de sua zona de conforto e bagunçar todo o seu mundo. Mas fosse o que fosse, ele afastaria. Porque não voltaria a amar. Nunca.

Mas... haveria possibilidade de lutar contra o coração?

- Ainda estou muito emocionada. Tudo que eu não poderia esperar ao iniciar a leitura desta história era chorar.rs Eu tinha fortes esperanças de gostar muito do livro, mas não imaginava que seria tanto e que um terrível nó insistiria em permanecer em minha garganta durante a toda leitura. Mas me apaixonei por este livro desde o princípio e conforme fui lendo... este amor apenas aumentou. E os sentimentos que me invadiram me levaram às lágrimas uma e outra vez e assim até o final. Mas foi delicioso. Uma experiência única. Que eu não me importaria de viver novamente. 

"Aquele era o seu filho. O seu bebê. Doze anos atrás, ela o colocara no mundo. Ele estava vivo porque ela o gerara em seu ventre. A informação era surpreendente e difícil de acreditar". 

- A Crissy mexeu demais com minhas emoções. Desde a primeira página. Eu tinha muitas reservas, afinal de contas, ela abandonara o filho. O entregara à adoção e depois cortara toda e qualquer ligação com ele, como se ele nunca tivesse existido. Pelo menos, isso aconteceu na teoria. Não precisamos nem avançar muitas páginas para percebermos que na prática ela vivia com a lembrança do filho, que por mais que ela dissesse para si mesma que não o amava e que nunca pensara nele, isso não passava de uma grande mentira. Ela deixara de viver durante 12 anos por causa do que fizera. Nunca conseguiu manter um só relacionamento. Se dedicava de corpo e alma à carreira, mas sua vida pessoal era um desastre. Uma solidão enorme, um total vazio. E isso me tocou profundamente. A dor da Crissy podia ser sentida por nós. Ao acompanharmos seus pensamentos, sua vida, sentimos as lágrimas escorrerem por nossos olhos. Não pude me manter indiferente. E torci para que a vida lhe desse uma segunda chance. Para que ela fosse capaz de fazer as pazes com o passado e vir a ter um espaço na vida do Brandon, vir a ser amada por ele. E vista, quem sabe, como uma segunda mãe. Ela era muito jovem e estava muito assustada quando descobriu que estava grávida. Talvez tenha tomado a decisão errada... Levando em conta o fato de que ela não foi capaz de superar aquilo, com certeza havia tomado a decisão errada. Mas não era justo pagar a vida inteira por isso. Ela não merecia tal coisa. E claro que fiquei mais do que feliz quando o Josh, tio do menino, foi entrando em seu caminho... Primeiro como alguém em quem ela poderia se apoiar, buscar forças... e depois como algo mais.... Muito mais...

"Havia algo em Josh Daniels que a fazia pensar que talvez, apenas talvez, tudo fosse dar certo."

- É muito fácil para nós leitoras nos apaixonarmos pelo Josh. Ele simplesmente não parece real.rsrs... Sério, gente. É a perfeição em forma de homem. Irresistível. Não saberia dizer se ele é o bom ou o mau caminho completo. Talvez uma mistura dos dois.kkkkkkk... Só sei que me apaixonei perdidamente por ele. Ele é um ser humano maravilhoso, um oncologista pediátrico, que se envolvia profundamente com cada um dos seus pequenos pacientes. Que lutava por eles e acreditava em milagres. E que, mesmo possuindo seus próprios fantasmas, foi muito mais do que um amante para a Crissy, muito mais do que um namorado, amigo... ele foi realmente como sua outra metade, entendem? Eles se completavam. Precisavam um do outro. Para se curarem e para ser felizes. 

"Estava ali porque precisava dela. Tê-la a seu lado o fazia se sentir vivo. Ela era riso e luz e ele estava cansado de viver na escuridão."


- A escrita sensível desta autora quase sempre me impressiona. Embora Cinderela por Uma Noite tenha sido uma leitura decepcionante, nunca pude esquecer a trilogia As Irmãs Keyes e por isso sou muito fã da autora, sempre disposta a dar uma chance aos seus livros, sempre ansiando por conhecer outras histórias escritas por ela. Seus livros são humanos. Com personagens humanos, com qualidades e defeitos, que estão bem longe da perfeição e que são cativantes justamente por isso. Porque somos capazes de nos sentir próximos deles. Porque eles muitas vezes sentem o que nós sentimos. É essa sensibilidade e simplicidade incríveis que tornam suas histórias impossíveis de esquecer. 

- Segundo informações da internet, o livro Revelações do Amor é o 3º da trilogia Positivamente Grávida. Têm como protagonistas as melhores amigas da Crissy. 

Positivamente Grávida

1- Amor Delicado (Noelle e Dev)
2- Promessa de Amor (Rachel e Carter)
3- Revelações do Amor (Crissy e Josh)

*Atualizado dia 29/08/15. Graças à Mônica Monte eu soube que o segundo livro da trilogia já foi publicado aqui sim, ao contrário do que eu pensava. E olha que o livro já estava na minha lista de futuras leituras!kkkkkkk... Mas eu não sabia que ele fazia parte da série.rs Muito obrigada, Mônica! :)

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Todo Ar que Respiras - Judith McNaught


4º Livro da Série Segundas Oportunidades

Eles se conheceram num paraíso: Kate Donovan, a bela dona de um restaurante em Chicago que venceu pelos próprios esforços, e Mitchell Wyatt, empresário implacável, herdeiro da fabulosa fortuna da família Wyatt - e, como logo Kate fica sabendo, um homem que não aceita um não como resposta. Durante o idílio dos dois na ilha tropical de Anguilla, Kate e Mitchell baixam a guarda e entregam-se, deixando de lado suas inibições - lentamente, a princípio, e depois num turbilhão de emoções novas e mágicas, diferente de tudo que já haviam vivenciado. 

Mas esse momento tão feliz e encantado chega ao fim quando a família de Wyatt intima Mitchell a comparecer ao interrogatório sobre o desaparecimento do irmão. Em meio ao estardalhaço da mídia, ele busca proteção no mundo de privilégios e poder a que pertence, levando Kate, que está insegura, a questionar tudo que sabe sobre seu arredio e misterioso amante: ele é realmente o culpado nesse escândalo de tamanha repercussão? Que segredos o seu passado esconde? O que lhe reserva o futuro... e quais os planos dele em relação a ela?

Enquanto Kate lutra contra suas dúvidas - e tenta ignorar certas evidências - para confiar no homem fascinante que talvez também seja seu mais temível inimigo, a rede de intrigas torna-se cada vez mais intrincada...




Palavras de uma leitora... 


"E nesse momento, de repente, entendeu. Entendeu tudo, com a mesma certeza de que seu pai também estivesse sentado ali ao lado na espreguiçadeira vendo Mitchell e sorrindo.
Aquilo era destino; eles se destinavam um ao outro. [...] Os dois estavam destinados a conhecer-se e apaixonar-se"

Tudo que ela mais queria na vida era um pouco de magia... E acabara perdendo para sempre o coração. 

Abalada pela morte recente do pai, a única família que ela possuía, e a incrível sensação de vazio que sentia, ela se deixou envolver por um belo, misterioso e irresistível desconhecido que em questão de minutos a fez tomar a decisão de vê-lo outra vez... embora não soubesse absolutamente nada a seu respeito e existisse a inegável possibilidade de ele ser um estuprador ou assassino em série, que ia de ilha em ilha seduzindo e assassinando mulheres, para depois enterrá-las na praia. Mas nem mesmo a chance de acabar assassinada ao final daquela noite a fez tomar a sensata decisão de permanecer confortavelmente em seu quarto de hotel, na paradisíaca ilha para a qual o namorado a levara, antes de voltar à Chicago para um compromisso urgente e deixá-la sozinha. Kate sabia que estava louca, mas às vezes é preciso simplesmente se entregar à loucura para permitir-se amar... E, nem que fosse uma vez na vida, ela queria fazer mais do que sonhar...

"De todos os lugares no mundo próprios para construir uma casa, ele escolhera num capricho uma minúscula ilha no Caribe, onde uma ruiva de reluzentes olhos verdes e de um sorriso estonteante iria encharcá-lo com um drinque, entorpecer todos os seus sentidos, aquecer seu coração e depois roubá-lo."

Ao vê-la pela primeira vez, depois de ela derrubar uma bebida em sua camisa e piorar tudo no intuito de limpá-la, Mitchell soube com toda a certeza que necessitava encontrá-la outra vez. E nem mesmo o fato de descobrir que ela estava comprometida o impediria de tentar roubar aquela mulher para si, ainda que não acreditasse em amor ou na magia que ela insistia existir entre eles. Sabia que estava brincando com fogo... arriscando pela primeira vez seu coração, mas estava mais do que disposto a queimar em seus braços e a fazer parte da sua vida. 

Mas o que aconteceria quando aqueles poucos dias de amor chegassem ao fim e eles tivessem que voltar à realidade? Quando não mais estivessem rodeados por um cenário romântico, capaz de despertar sonhos ainda não sonhados, teriam eles forças para permanecerem juntos? Seria aquele amor real ou pura fantasia? Isso... só o tempo seria capaz de responder... 

"Me abrace e nos envolva em magia. Não posso criar isso sem você."

- Sabe quando um livro te faz deixar tudo para trás e concentrar-se apenas nele, como se todo o mundo se resumisse a ele?rsrsrs... Comecei a leitura na semana passada e em meio às obrigações do dia a dia acabei por não ter muito tempo para a história da Kate e do Mitchell, algo que me irritava profundamente porque eu já estava envolvida por eles, ansiando por conhecer mais e mais a história de amor deles. Então hoje, ao me levantar de madrugada, me arrumar e sair para ir à aula, eu decidi que encontraria tempo nos intervalos da explicação do professor para passar alguns momentos com eles, mas assim que comecei a ler, o mundo simplesmente deixou de existir.kkkkkkkkk... Somente meu corpo estava presente naquela sala, porque minha mente viajava para um mundo de sonho, amor e magia e eu não conseguia esconder o sorriso encantado diante das emoções maravilhosas que a Kate e o Mitchell provocavam em mim. Até que eu tomei a inteligente decisão de pegar minhas coisas e me retirar da sala, voltando para casa, disposta a finalmente fazer o que eu queria: mandar tudo o mais ao inferno e me dedicar de corpo e alma ao livro. E fazia tempo que eu não me sentia tão bem após tomar uma decisão. :D Foi uma das melhores coisas que já fiz na vida.

"— Kate — disse — , eu estou apaixonado por você.
Em resposta, ela ergueu a mão dele e apertou seus esfolados dedos contra a face."

- Não dá para colocar em palavras o enorme carinho que sinto por esse casal, todo o amor que eles despertaram em mim e como eu me envolvi pelos sentimentos deles, desejando poder impedir que eles sofressem, desejando consertar as coisas que certos vermes provocaram e que acabaram por partir o coração deles dois, mergulhando eles (e eu aqui) num período de dor. Mas como sei que a JM é brilhante, quase sempre escrevendo histórias que me roubam o fôlego, eu tinha certeza de que o melhor estava por vir e não me enganei. É uma história linda do começo ao fim, com dois protagonistas cativantes e que nos apaixonam desde o princípio por mais reservas que a gente tenha antes de iniciar a leitura. Confesso que eu tinha algumas reservas sobretudo em relação à Kate. Afinal de contas, além de algo que não posso mencionar, ela estava comprometida com outra pessoa quando conheceu o Mitchell. Tinha ido para aquela ilha justamente com o namorado, com quem ela mantinha um relacionamento há quatro anos e traição não é um tema do qual eu goste muito. Na verdade, não gosto nada. No entanto, eu estava disposta a me permitir conhecê-la e não me arrependi. A Kate é uma pessoa maravilhosa e amar... não pode ser pecado. Ela nunca teve intenção de trair o namorado (por mais que ele merecesse). Nunca tinha feito algo assim em sua vida, mas olhar para o Mitchell pela primeira vez a fez esquecer princípios, riscos ou qualquer outra coisa. Ela só queria amar. Só queria ser feliz e acreditou que o pai, onde quer que estivesse, estava lhe dando aquela oportunidade. E ela não poderia deixá-la escapar de modo algum, ainda que seu coração pudesse sair ferido no final. 

"Ele deslizou os braços em torno dela e enterrou o rosto nos cabelos molhados.
— Senti tanta saudade de você — sussurrou. — Senti saudade de sua magia."

- O Mitchell... Nem sei como falar dele. Ele é um menino machucado pela vida, pelas escolhas dos pais que preferiram abandoná-lo, se livrar dele como se ele fosse um objeto que de repente não quisessem mais. Um menino que cresceu em completa solidão e jamais soube o que era ter uma família. Que nunca teve para quem escrever cartas e com quem comemorar suas conquistas, mas que mesmo assim tinha o amor guardado em um lugar secreto do seu coração... esperando o momento em que alguém estaria disposto a amá-lo. Mas é também um homem que não acredita no amor e que construiu muros ao seu redor para não se ferir, para jamais permitir que o magoassem outra vez. Alguém que se escondia por trás de uma aparente indiferença e insensibilidade, mas que ainda assim deixou a Kate entrar em sua vida e desarmá-lo como ninguém foi capaz. Ele é um dos meus mocinhos mais queridos. Um sonho, alguém feito especialmente para a nossa mocinha. 

- Mais que recomendo esta história! :D Além de nos apaixonarmos pelos protagonistas, ainda temos a oportunidade de reencontrar Matt e Meredith, casal de Em Busca do Paraíso e o meu querido Zack de Tudo por Amor. Tudo teria sido ainda melhor se a Julie tivesse me feito o favor de não aparecer. Porque cada vez que ela aparecia eu sentia um enorme desejo de esganá-la. 


Segundas Oportunidades:

4º- Todo Ar que Respiras