O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

domingo, 25 de abril de 2010

"Um casamento árabe" - Lynne Graham

1º livro da Série Irmãs Órfãs

Palavras de uma leitora...

Tudo começou com um mal entendido, mas como Jaspar poderia saber que existem duas Frederica Sutton? Era praticamente impossível. Mas ele não sabia que o destino utiliza as ironias da vida para unir dois corações...


Jaspar era um príncipe, filho do rei Zafir e herdeiro do trono de Quamar. Seu irmão mais velho, que deveria herdar o trono em seu lugar, havia falecido e deixado em Londres um filho ilegítmo que o rei queria que fosse arrancado da mãe negligente e levado para Quamar a qualquer custo. A mãe da criança, Frederica Sutton ou Érica, como era chamada, era uma Jezebel que, aos dezoito anos de idade, fugiu com o marido da vizinha e que depois se envolveu com vários homens ricos e casados e continuou com sua vida de rameira mercenária. E que viu no irmão do príncipe Jaspar uma fonte segura de riqueza e resolveu engravidar para conseguir uma renda estável. Seu pai estava doente e o príncipe não viu outra solução senão, seguir as ordens de seu pai: iria retirar Benedict Sutton de sua mãe. Aliás, Érica não parecia possuir nenhum instinto materno.


Freddy Sutton ou Frederica, estava desesperada. Não queria perder seu filho, ou melhor, o filho de sua prima Érica, que tinha falecido pouco tempo atrás vítima de um acidente de carro. Mas foi Freddy quem cuidou de Ben desde o dia que ele nasceu. Inclusive foi ela quem escolheu seu nome. Sua prima não queria se apegar a criança e abandonar sua vida de casos amorosos e festas escandalosas. Freddy passou a cuidar de Ben e amá-lo como se fosse seu próprio filho. Se sacrificou muito por aquela criança e sacrificaria tudo o que fosse necessário para mantê-lo ao seu lado, inclusive se aproveitar da coincidência de possuir o mesmo nome que a prima para se casar com o príncipe Jaspar e poder continuar a fazer parte da vida do seu querido Ben... Mas Jaspar descobre em sua noite de núpcias que se casou com a pessoa errada! Como que uma virgem poderia ser a mãe de seu sobrinho?


Quer saber como essa história termina? Leia o livro. Juro que não se arrependerá... E essa história é a prova que o coração tem razões que a razão desconhece...

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.