O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Eva - William P. Young (trechos que marcaram)



- Olá, gente!

Sei que ainda não fiz a resenha e a verdade é que nem sei se conseguirei fazer. Existem livros que significam tanto para nós que é muito difícil falar sobre eles. Quase impossível. 

Neste post pretendo partilhar todos os trechos que me marcaram em Eva. É claro que existe a possibilidade de conter spoilers, mas não creio que seria algo que revelaria muito sobre o livro. Porque não dá para conhecer esta história sem lê-la. 

" - O Senhor me amaria... - começou a falar Adão depois de um longo silêncio -, mesmo que eu carregasse a escuridão dentro de mim?
  - Meu amor nunca será condicionado por nada, nem pela escuridão nem por qualquer coisa que possa haver em você - respondeu Adonai, apertando a mão do filho. - Eu sei quem você é de verdade.
  - Se eu lhe der as costas, o Senhor dará as costas a mim? 
  - Não, meu filho. Você nunca será abandonado ou renegado."


"Ela conhecia a história, e não a conhecia."

"- Minha querida - retrucou Eva -, alguém por acaso é capaz de conhecer a si mesmo?"

"Era como se aquelas lágrimas fossem sua única linguagem, palavras líquidas e incoerentes."

"E pela primeira vez desde que sua limitada memória lhe permitia lembrar, Lilly sentiu esperança.
 Esperança pelo quê, não sabia dizer."

"O livro certo, assim como a canção certa ou o amor certo, pode mudar todo o mundo de uma pessoa. E então iniciar uma reação em cadeia."

" - Você disse que não se lembrava de ser uma grande leitora, mas eu acredito que toda pessoa é uma história e, portanto, uma contadora de histórias. O problema é que, como muitos temem fracassar, nem sequer tentam."

"Escrever é outra espécie de refúgio."

"Nossos medos mais profundos nos lembram de que perdemos algo fundamental e precioso."

"Quando o assunto é a mente, o coração e a alma, até mesmo o melhor bisturi tem suas limitações."

"Até mesmo uma pequena crise pode estilhaçar a alma humana."

"Soluçava por perdas das quais nem se lembrava por memórias e rostos que ela não conseguia identificar por ser apenas uma menininha que não sabia onde era o seu lar e se sentia perdida; e porque tudo doía e ela não conseguia conter suas emoções."

"- O que é a doença da sombra? - perguntou ela.
 - Você também pode chamá-la de "doença do coração" ou "doença da alma" - respondeu Anita. - Ela acontece quando alguém se afasta da confiança face a face e se deixa invadir pela escuridão da morte. Por causa de Adão, todos herdamos a doença da sombra em nossa mortalidade. Resistir a ela é uma guerra que todos travamos."

"Se essas coisas não fossem Deus em essência, tudo iria pelos ares. - Seus dedos rodopiaram no ar como um balão que tivesse escapado. - Tudo, até mesmo nós, desapareceria na não existência."

"Fico olhando para as ondas do mar... O ir e vir da maré é mais ou menos como a minha vontade de viver e morrer ao mesmo tempo."

"Durante alguns instantes, ficou olhando pela janela. O impulso de saltar no vazio era tentador. Será que Adonai apararia sua queda? Será que ele ao menos perceberia se ela caísse?"

"Em algum lugar no depósito da alma, todas as experiências são armazenadas. Embora o acesso às lembranças seja restrito, a história encontra maneiras de se fazer conhecer."


"Eu não passei por uma tragédia. Eu sou a tragédia!"

"Talvez eu precise que o gelo debaixo dos meus pés quebre para que eu possa cair e desaparecer. Oh, Deus, ainda que eu esteja totalmente maluca, Você viria me encontrar? Acho que quero mesmo ser encontrada, mas por Você, não apenas pelos outros."

"Quando voltou a falar, sua voz, que não passava de um sussurro, fraquejou ainda mais. - Por que... por que Deus não me protegeu?
 Eva deixou que a pergunta pairasse no ar. Aquela mesma pergunta era feita por um bilhão de outras vozes, em sepulturas, mesquitas, igrejas, escritórios, celas de prisão e becos escuros. Atrás dela, um rastro de fé abalada e corações destruídos. Aquela pergunta clamava por justiça e implorava por milagres que nunca vieram."

"Lilly é uma garotinha que morreu muito tempo atrás, uma menina fraca, quebrada e impotente que merece descansar em paz."

"O sofrimento é uma coisa estranha. Como a alegria, ele nos pega desprevenidos, totalmente de surpresa. Faz parte da vida, faz parte da natureza humana."

"Um dia, talvez, você também encontre uma maneira de me perdoar em seu coração."

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.