O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!

O AMOR VERDADEIRO JAMAIS MORRE!
O coração de uma mulher é um oceano de segredos

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Destino Tentador - Nora Roberts

(Título Original: Tempting fate
Tradutora: Daniela Rigon
Editora: Harlequin
Edição de: 2017)


Os MacGregors - Livro 2


Uma mulher determinada e corajosa, que deseja conquistar o mundo. Um homem intenso, arrogante e sedutor. Um encontro do destino que vai transformar as suas vidas. 

Cansada de priorizar as ordens da tia e deixar de lado os próprios sonhos, Diana Blade está disposta a trilhar o próprio caminho e conquistar o seu lugar ao sol. Mas ao visitar o irmão, Diana conhece Caine MacGregor, um advogado workaholic que, assim como ela, parece querer muito mais do que a vida atual oferece. Nenhum dos dois estava preparado para lidar com um romance nesse momento, mas não querem abrir mão do tempo que passam juntos. 

No segundo livro da saga dos MacGregor, Nora Roberts narra a história de mais um membro dessa família que parece ter o mundo aos seus pés, mas ainda não descobriu o verdadeiro amor.




Palavras de uma leitora...



"A menina que idolatrava Justin cegamente não existia mais. Ela tinha a própria vida e a própria carreira, duas coisas que estiveram estagnadas por muito tempo. Era um ano novo, recordou Diana. O momento perfeito para começos."

Quem quer que a olhasse seria incapaz de perceber o tumulto que se passava em seu interior. Toda uma vida de regras a forçou a adquirir o equilíbrio necessário para jamais deixar transparecer o que estava sentindo ou pensando. Por fora, era uma completa dama, do jeito que sua tia a educou para ser. Mas por dentro... Queria gritar, quebrar alguma coisa, fazê-los entender o quanto ainda doía. E que nenhum convite educado seria suficiente para apagar tantos anos de rejeição e abandono. 

Um dia, ela havia considerado Justin o seu herói. O irmão mais velho que sempre a protegeria, que estaria ao seu lado nos momentos que mais precisasse. Todavia, aos seis anos de idade, se viu privada de tudo o que dava como certo. Seus pais foram embora, vítimas de um acidente. E em meio a toda confusão e dor pela perda repentina, ela se viu levada para outro lugar e entregue, pelas mãos do irmão, a uma tia que desconhecia e não fazia o menor esforço para esconder que apenas a aceitava por obrigação, por um dever moral. 

No início, ela acreditou que seus pais não tinham morrido de verdade. Que se fosse uma boa menina, eles voltariam. Ao ser abandonada também pelo irmão, prometeu a si mesma que seria educada, que obedeceria a tia e assim seu irmão voltaria para lhe buscar, que ele só tinha feito aquilo porque ela era uma criança difícil. Porém, o tempo passou e nenhum bom comportamento bastou para trazê-lo de volta. Foram anos e anos de ausência. Nem mesmo uma carta, um telefonema... nada. Era como se ele a tivesse apagado de sua vida. 

Agora, tantos anos depois, ela já não necessitava mais dele. Aprendeu a se virar sozinha, tornou-se forte para suportar a vida ao lado de uma parente que a via como uma boneca sem sentimentos. Formada em Direito, finalmente via-se livre das amarras que a prenderam por tanto tempo. E então veio o convite. Inesperado e certeiro. Todo o necessário para despertar antigas mágoas. 

Levada por um impulso, Diana resolveu aceitar a passagem que a cunhada lhe enviou e passar alguns dias no hotel de seu irmão. O que para Serena talvez fosse uma oportunidade de aproximação, para Diana nada mais era que a chance de satisfazer uma curiosidade. Já não pensava mais em Justin. Iria, cumpriria o seu dever e depois iria embora, sem olhar para trás. Porque era impossível sentir falta de algo que nunca se teve. 

Porém, todos os seus planos de manter-se fria durante aqueles dias sofrem sérios abalos assim que ela coloca os pés para fora do avião. Enviado para buscá-la, Caine MacGregor parecia capaz de lê-la com um simples olhar. Ninguém jamais a encarara daquele jeito... como se pudesse despi-la física e emocionalmente. Como se a conhecesse mais profundamente do que ela própria. 

"Diana sentiu um desejo de ser segurada, guiada e possuída aparecer inesperadamente. De alguma forma, sabia que Caine poderia lhe dar tudo o que desejava. Não haveria perguntas sem resposta ou incertezas, apenas inundações de prazer e paixão. Com apenas um toque, poderia entrar num mundo inebriante e proibido onde não havia razão, pensamentos ou justificativas."

Talvez fosse fácil lidar com o irmão que já não conhecia. Mas como lidar com Caine? Como suportar sua aproximação, suas palavras provocantes e beijos roubados? Como não se render? Não sabia o que acontecia quando ele estava por perto, mas realmente não estava preparada para confiar em alguém, muito menos nele. Fosse o que fosse que estava começando, precisava acabar.

E nessa luta entre razão e coração não é sequer necessário anunciar o vencedor...

- Ao longo da leitura de Jogo de Sedução, conhecemos um pouco da história entre Justin (protagonista do primeiro livro) e Diana, sua irmã. Mas nada se compara a ver as coisas através dos olhos dela, enxergando a menininha perdida e assustada que ela foi, abandonada duas vezes e desejando que tudo não passasse de um pesadelo. Senti muito por essa menina e cheguei a sentir raiva do Justin, embora entenda que ele não teve escolha, que fez o que considerou melhor para ela. Acaba por ser muito triste imaginar tudo o que perderam, uma relação entre irmãos destruída por uma separação inevitável, pelo desastre da morte de seus pais. 

E enquanto Serena tinha crescido num lar cheio de amor, querida e atormentada pelos irmãos, Justin foi obrigado a se criar sozinho, após deixar a irmã aos cuidados de uma tia, sabendo que não poderia mais buscá-la, que talvez jamais voltasse a vê-la. Assim, duas pessoas com passados opostos, mas personalidades parecidas se envolvem e se apaixonam, provocando muita confusão em suas próprias vidas antes de finalmente admitirem que desejam construir uma relação juntos. Da mesma forma tem início o relacionamento entre Caine e Diana, mas aqui as coisas são mais complicadas. 

"Só havia uma pessoa em que podia confiar e depender completamente: ela mesma. Percebera isso anos atrás, quando tinha conhecido a dor da perda e o medo da solidão. Ela não passaria por isso novamente."

Dona de uma personalidade e tanto, Diana é uma mocinha forte, que sabe o que quer e luta por isso. Não quer apenas um cantinho no mundo ou uma vida pacata. Quer viver fortes emoções, construir uma carreira de sucesso e travar desgastantes e fascinantes brigas nos tribunais. Não era à toa que escolhera o Direito, sobretudo a área penal. E homem algum a impediria de chegar onde desejava. Não importava o quanto ele mexesse com ela, como fossem irresistíveis ou seus beijos e carícias. Tinha um objetivo. E Caine não fazia parte dos seus planos. 

Em contrapartida, Caine sabia bem onde queria Diana. E manter distância era algo que estava fora de cogitação. Percebera uma ligação forte com ela assim que seus olhos se cruzaram pela primeira vez. Conheceu seu momento de maior vulnerabilidade e a consolou contra o seu peito mesmo quando ela lutou para manter a imagem de mulher fria. E quanto mais se envolvia mais desejava tê-la em sua vida. Só que derrubar as defesas daquela bela e teimosa mulher não seria a tarefa mais fácil do mundo. Que bom que ele amava grandes desafios... 

"Eu pedi mais de uma vez que confiasse em mim. Não sou eu que assusto você, Diana. São seus fantasmas e suas dúvidas."

- Eu amei os protagonistas desta história! Não que eu não tenha chegado a desejar esganar a Diana em nenhum momento (risos), mas pude entender suas reservas, seu medo, sua falta de confiança num homem que estava lhe oferecendo tudo. Que a aceitava como ela era sem tentar mudá-la. Que sabia dar conforto em silêncio, ouvir suas palavras, entender sua profissão e angústias. Caine era completamente perfeito para Diana, mas o passado a fazia construir muros e mantê-lo do lado de fora. Somente um homem tão teimoso como ele seria capaz de ultrapassar cada barreira que ela levantava. Aquilo não era para qualquer um.rsrs

O livro é muito bom, divertido, leve, ótimo para livrar-se do estresse deixado por histórias mais complicadas. :)



Segundo a internet, os livros que fazem parte da série Os MacGregors são:

1- Jogo de Sedução 
2- Destino Tentador
3- Orgulho e Paixão
4- Encanto da Luz
5- Hoje e Sempre (flashback do romance entre Daniel e Anna, os pais de Serena)
6- Rebelde (histórico!)
7- Um Mundo Novo (histórico!)
8- Instinto do Amor
9- Beijos que Conquistam
10- Amor Nunca é Demais

11- Um Vizinho Perfeito

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos!

Porém, existem duas regras:

1º Comentários cujo ÚNICO objetivo seja divulgar seu blog, um sorteio ou algo do gênero, serão excluídos;

2º Comentários ofensivos também serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog, basta mandar um email para luna.emocoes_leitora@hotmail.com e eu responderei o mais rápido possível.